LG anuncia o Q6, a versão em miniatura e mais acessível do G6

Por Redação | 11.07.2017 às 09:25

O LG G6 é um ótimo aparelho que tropeçou em uma série de pequenos problemas. A ideia de um smartphone com uma tela de proporções 18:9 é algo que agradou quem acredita que tamanho é documento, mas o seu preço e o fato de o aparelho ter sido lançado quase que simultaneamente ao Galaxy S8 condenaram o modelo da LG a um terrível segundo plano. Por isso, a chegada do LG Q6 nesta terça-feira (11) é vista como um contorno a todos esses pequenos problemas e uma aposta bastante interessante da fabricante sul-coreana.

Tanto que, por algum tempo, acreditou-se que o Q6 seria o tão comentado G6 Mini, já que ele traz tudo aquilo que se espera de uma versão reduzida do smartphone. Isso significa que ele tem uma tela um pouco menor e configurações mais modestas, o que tende a fazer com que o smartphone fique mais barato e acessível. Em outras palavras, praticamente tudo aquilo que o G6 precisava ter sido para conquistar o público.

Em termos de tamanho, o LG Q6 não inventa muita moda e traz uma tela de 5,5 polegadas. A diferença é que ele utiliza uma resolução diferenciada de 2.160 x 1.080 pixels que a fabricante chama da FHD+, que traz um aspecto um pouco mais alongado. Isso faz com que ele tenha uma proporção um pouco diferente da grande maioria dos modelos, que ainda utilizam o tamanho 1.920 x 1.080 pixels.

LG Q6 chega com quatro opções de cores

Essa mudança faz com que a experiência de uso se torne ainda mais imersiva para o usuário, principalmente quando o assunto é vídeo. Sabe quando você coloca algum conteúdo em tela cheia e surgem aquelas barras pretas em cima e embaixo da imagem? Pois, assim como já acontecia no G6, o novo LG Q6 simplesmente elimina esse incômodo e faz com que o vídeo ocupe toda a área da tela. Isso sem falar que, graças à interface LG UX 6.0, o usuário ainda pode dividir a tela em dois quadrados perfeitos, aproveitando muito mais a função multitarefa do Android.

Aliás, essa divisão de tela é apenas uma prova de como o LG Q6 replica todas as funcionalidades do sistema que a empresa adicionou ao LG G6, mostrando que ele realmente entrega toda a experiência em um hardware um pouco mais modesto. Isso inclui, por exemplo, a função Square Cameras para colagens, por exemplo.

O novo modelo conta ainda com câmera principal de 13 megapixels e outra frontal de 5 MP capaz de alcançar um ângulo de 100º — o suficiente para todo mundo caber na foto.

Já em termos de design, foi informado que o LG Q6 terá apenas 8,1 milímetros de espessura, será feito em alumínio com efeito de metal escovado, além de um painel traseiro com bordas curvas. Ele ainda conta com 142 milímetros de comprimento e 69 mm de largura. Ao todo, o smartphone pesará apenas 149 gramas — o que faz com que ele seja, no fim das contas, bastante compacto.

Seu hardware também chama a atenção. Ele conta com um processador Qualcomm Snapdragon 435 que pode não ser lá muito poderoso, mas que aguenta bem o tranco. O smartphone utiliza uma bateria de 3.000 mAh e já vem com o Android 7.1.1 pré-instalado, suporte ao Android Pay e ao Google Assistant. A LG ainda prometeu reconhecimento facial na hora de desbloquear o aparelho, mas não explicou ao certo como isso vai funcionar.

O mais impressionante, no entanto, é que o LG Q6 estará disponível em três versões diferentes, cada uma com variações significativas de configuração. O padrão traz 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento interno, estando disponível nas cores preta, branca, ice platinum e terra gold. Já o Q6+ vai um pouco além e traz 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento. Por fim, o Q6ɑ completa o trio com modestos 2 GB de RAM e 16 GB de armazenamento.

Segundo a LG, as vendas do novo smartphone começam já em agosto na América do Norte, Europa e América Latina — o que significa que o Brasil tem grandes chances de receber o aparelho. O preço, no entanto, não foi divulgado. Apesar disso, a boa notícia é que ele dificilmente vai custar mais do que os US$ 650 do LG G6.

Via: Digital Trends