iPhone 6 bate recorde de pré-venda da Apple em 24 horas

Por Redação | 15 de Setembro de 2014 às 11h14

Como já era de se esperar, a Apple anunciou mais um recorde de pré-venda com o anúncio do iPhone 6. Nas primeiras 24 horas em que esteve disponível para encomenda, mais de quatro milhões de unidades do dispositivo foram adquiridas previamente pelos usuários. O total representa o dobro do obtido pelo antecessor, o iPhone 5S.

Isso levou a empresa a intensificar seus esforços de fabricação e avisar, desde já, que a demanda superou em muito o total de unidades que seria disponibilizado pela companhia no lançamento. Isso significa que, enquanto muita gente vai receber seus aparelhos já na próxima sexta-feira (19), outros terão que esperar mais alguns dias, possivelmente até o início do mês de outubro, para colocar as mãos no smartphone de nova geração da marca.

Quem está em filas, aguardando na frente de lojas da Apple para colocar as mãos nos aparelhos o mais rápido possível, porém, pode ficar tranquilo. Nesta sexta-feira (19), a partir das 8 horas da manhã, no horário local de cada região, estoques reservados exclusivamente para compras físicas estarão disponíveis para os primeiros a chegar. Tais unidades, segundo a Apple, não fazem parte da remessa inicial separada para pré-venda online e também serão disponibilizadas em estabelecimentos oficiais de operadoras dos Estados Unidos, além de alguns revendedores oficiais.

De acordo com as informações do Business Insider, a notícia fez com que as ações da Apple operassem em alta no pregão desta segunda. No momento em que este texto é escrito, os papéis da companhia operam com valorização de 0,22%, a US$ 101,89. A expectativa é de fechamento positivo.

Taxado como o maior upgrade já realizado em toda a linha iPhone, os novos modelos de smartphones chegam às lojas em duas versões, com telas de 4,7 polegadas e 5,5 polegadas. O celular também traz mudanças no design, sendo mais fino e com as laterais arredondadas. O lançamento está previsto para o dia 19 de setembro em países como Estados Unidos, Japão, Rússia e Reino Unido, apenas para citar alguns.

O Brasil, porém, ainda não faz parte da lista. Segundo a Apple, a ideia é lançar o iPhone 6 em mais 115 territórios até o final de 2014, mas a relação de países que o receberão até o fim do ano não foi divulgada.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.