iPhone 5S tem uma linha de montagem de 600 funcionários para suprir demanda

Por Redação | 28 de Novembro de 2013 às 17h20

A Apple é conhecida por ser uma empresa minimalista, mas o número de trabalhadores na linha de montagem necessários para construir um iPhone está se tornando cada vez mais complexo.

De acordo com uma reportagem do Wall Street Journal, são necessários 600 funcionários na linha de montagem nas instalações da Foxconn para a construção do iPhone 5S. Em comparação, o iPhone 5 e o iPhone 5C necessitam de apenas 100 funcionários para a montagem.

“Nós estamos produzindo cerca de 500 mil iPhones 5S todos os dias, a maior produção diária da nossa história”, disse um executivo da Foxconn para o jornal.

Com uma produção de um milhão de unidades de iPhone 5S e funcionários trabalhando dia e noite, o tempo de espera por um novo iPhone diminuiu drasticamente.

Hoje em dia já é possível encontrar um iPhone 5S em praticamente todas as Apple Stores, diferentemente do mês passado, em que ainda era necessário passar a noite nas filas das lojas para conseguir um aparelho. O smartphone também está sendo entregue entre três a cinco dias úteis se comprado online.

Todos os modelos estão disponíveis, inclusive o dourado que esteve em falta durante um período por causa de sua alta procura. A Foxconn disse que está trabalhando com a sua capacidade máxima para poder suprir a demanda.

O suprimento de iPhone 5S é tão alto que alguns varejistas dos EUA estão começando a reduzir o preço dos modelos mais caros para as promoções da Black Friday.

Aqui no Brasil, o iPhone 5S já está à venda desde a última sexta-feira (22) pelas operadoras de celular ou através das grandes lojas de varejo com preços a partir de R$ 2.799, sem plano.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.