Huawei já vendeu 10 milhões de unidades da família Mate 20 mesmo banida dos EUA

Por Rafael Rodrigues da Silva | 11 de Março de 2019 às 23h00
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Mate 20

Ficha técnica

Apesar de estar proibida de vender nos Estados Unidos — um dos maiores e mais importantes mercados de smartphones do mundo para qualquer empresa — a Huawei tem alcançado bastante sucesso com a linha Mate 20, que já atingiu a marca de 10 milhões de unidades vendidas.

O marco foi divulgado pela empresa nesta segunda-feira (11) via Twitter, e conta a soma das vendas de todos os aparelhos da linha Mate 20, que inclui o Mate 20 Pro, o Mate 20 X, o Mate 20 Lite e o Mate 20 padrão. O resultado é impressionante pelo fato de esse número ter sido atingido em menos de seis meses (a Huawei lançou esses aparelhos em 16 de outubro de 2018), sem nenhuma venda nos Estados Unidos (o segundo maior mercado de smartphones do mundo) e em um momento de crise econômica na China (o maior mercado de smartphones do mundo).

A empresa está proibida de vender qualquer tipo de aparelho nos Estados Unidos devido a um decreto do presidente Donald Trump, que a acusa de trabalhar em conjunto com o governo chinês e inserir chips nos aparelhos vendidos ao país, chips esses que permitiriam espionar as comunicações estadunidenses. Além disso, a empresa também é acusada de furar o bloqueio econômico que os Estados Unidos colocou no Irã e roubar uma tecnologia pertencente à AT&T, motivos pelos quais a CFO da Huawei, Meng Wanzhou, foi detida pela polícia do Canadá e está em processo de extradição para os Estados Unidos, onde responderá por 23 acusações criminais.

Para o final deste mês, a Huawei já está preparando o lançamento de mais dois smartphones, o P30 e o P30 Pro, que deverão ser revelados oficialmente no dia 26 de março.

Fonte: Twitter

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.