Galaxy S9 prova que é resistente em verdadeiras provas de fogo - literalmente

Por Jessica Pinheiro | 12 de Março de 2018 às 13h31
TUDO SOBRE

Galaxy S9

O texto a seguir contém descrições de imagens fortes, mas extremamente necessárias. Afinal, o Samsung Galaxy S9 se provou até agora, como um dos smartphones mais duráveis do mercado. Passando pelos mais variados testes literais de fogo, o dispositivo móvel mostrou ser capaz de se recuperar de variadas adversidades.

Arranhões de tela ainda são possíveis, ainda mais se o aparelho estiver junto de chaves ou moedas, ou até mesmo perto de uma lâmina de barbear, seja lá por qual motivo. Este cuidado deve ser tomado com a maioria dos smartphones high-end atuais, já que telas de safira ainda são pouco acessíveis e, portanto, extremamente incomuns.

Por sinal, o Galaxy S9 possui tanto a frente como a traseira cobertas com vidro, sendo a única exceção desta estrutura o scanner de impressão digital. Por conta disso, ele pode facilmente ser arranhado. Ainda assim, o dispositivo mobile continua plenamente funcional, independentemente da quantidade de ano.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O usuário Zack Nelson do canal de YouTube JerryRigEverything, famoso por avaliar a tecnologia utilizada na produção de máquinas, subiu recentemente um vídeo em que ele mesmo aplica um teste de fogo no aparelho móvel, e, na ocasião, admite que o celular pode ser bastante útil em um suposto cenário apocalíptico.

O ocorrido é bastante interessante, especialmente porque as telas LCD geralmente desligam por alguns segundos para se recuperarem completamente de alguma avaria. Os displays OLED, em contrapartida, adquirem o malfadado dead pixel, obtendo um irreversível ponto branco quando passam por testes do gênero. O Super AMOLED do Galaxy S9, por sua vez, se recuperou da queimadura, mesmo com o revestimento oleofóbico sendo danificado.

Por fim, ao testar o Galaxy S9 no esperado teste de dobra, os braços do YouTuber não se provaram fortes o suficiente para o novo quadro de alumínio de série 7000 que conta com 20% de vidro mais espesso. Toda esta estrutura obviamente torna o smartphone mais pesado, mas frente a alguma situação do tipo, os usuários certamente irão se alegrar quando o display do aparelho acender ou tocar.

Fonte: SlashGear

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.