Explosão de iPhone causa incêndio e destrói quarto de jovem no Reino Unido

Por Redação | 21.11.2016 às 12:37 - atualizado em 21.11.2016 às 13:02

Além de disputarem pela liderança nas vendas mundiais de smartphones, as rivais Apple e Samsung agora parecem estar duelando para ver quem tem sua reputação envolvida em mais casos de explosões de dispositivos.

Depois do mais recente caso em Nova Jérsei, nos Estados Unidos, em que um iPhone 6 Plus pegou fogo dentro do bolso de um estudante durante uma aula, a Maçã agora está envolvida em um novo incidente com fogo.

O caso aconteceu na cidade de Morfa Bychan, no País de Gales, depois que uma adolescente de 15 anos deixou o aparelho carregando durante a noite. O modelo do iPhone não foi revelado, mas Caitlin Rae Durant confirmou às autoridades que estava utilizando um carregador oficial da Apple e o smartphone estava nas cobertas ao seu lado enquanto ela dormia.

Segundo os bombeiros que atenderam ao chamado, houve um superaquecimento do aparelho, que teria provocado a explosão. Por sorte a adolescente conseguiu escapar das chamas, que se alastraram rapidamente pelo seu quarto.

Devido aos danos causados pelo incêndio, pela fumaça e pela grande quantidade de água jogada pelos bombeiros, a residência deve permanecer interditada por cerca de seis meses e a família de Caitlin acredita que ela deverá ser demolida e reconstruída. Até o momento, a Apple não se manifestou publicamente sobre o incidente com o iPhone.

Veja abaixo o comparativo do antes e depois da destruição:

Como era o quarto de Caitlin....
...e como ficou após o estrago e ação dos bombeiros

Fonte: CódigoFonte