Escritórios da Apple na Coreia do Sul são invadidos por autoridades do país

Por Redação | 24 de Novembro de 2017 às 11h45
Tudo sobre

Apple

Na véspera de lançamento do iPhone X na Coreia do Sul, os escritórios da Apple no país foram invadidos por autoridades nesta quinta-feira (23).

De acordo com o Metro, a ação faz parte de uma investigação conduzida pela Comissão de Comércio Justo e tem como objetivo descobrir se a Maçã está envolvida na criação de contratos injustos com empresas sul-coreanas para o reparo de iPhones e outros aparelhos móveis da marca.

A invasão está sendo considerada por muitos como parte de uma manobra da Samsung, que possui fortes ligações com o governo do país, para comprometer os planos de lançamento do iPhone X.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A pré-venda do iPhone X na Coreia do Sul foi um grande sucesso, com todas as reservas do aparelho esgotadas em menos de 3 minutos após a disponibilização do produto.

Assunto delicado

A Comissão de Comércio Justo sul-coreana já foi acusada anteriormente de favorecer a Samsung e outras fabricantes do locais dificultando a atuação de empresas estrangeiras, sendo a Apple um de seus principais alvos.

Em 2015, quando a companhia da maçã representava 33% do mercado de smartphones na Coreia do Sul, a mesma comissão solicitou uma apuração para averiguar se a gigante de Cupertino estava prejudicando o mercado de aparelhos móveis local.

Fonte: Metro UK

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.