Conserto de telas do iPhone fica US$ 20 mais caro nos EUA

Por Redação | 19 de Setembro de 2017 às 09h22
photo_camera Zozoom

A Apple está dando a seus usuários nos EUA um motivo a mais para cuidar muito bem de seus iPhones e aumentou os preços de reparos e substituições de telas. Os valores de consertos em modelos do 6s em diante aumentaram em US$ 20, cerca de R$ 60, sem que a fabricante explicasse exatamente as razões por trás disso.

Quem já teve de passar por isso sabe que a substituição do display é um dos reparos mais caros de um smartphone, e não é a toa, já que esta é uma das peças principais dos aparelhos. Nos Estados Unidos, agora trocar a tela quebrada de um iPhone 6s ou 7 passa a custar US$ 149, aproximadamente R$ 470 em conversão direta, enquanto o mesmo serviço para a versão Plus dos dispositivos sai por US$ 169, cerca de R$ 530.

Ao contrário do que poderia se pensar, a mesma diferença, aqui, vale também para o iPhone 8, tanto em sua versão convencional quanto no modelo Plus. Por outro lado, a Apple não detalhou quanto custará a troca de uma tela na versão X do smartphone, na qual o componente é uma parte ainda mais crítica e complexa da construção do aparelho.

Também tiveram alta os valores do AppleCare+, serviço de garantia estendida que cobre danos e defeitos em dispositivos da Maçã além do um ano padrão que é dado a todos eles. Agora, o incremento do suporte por mais dois anos além disso passar a custar US$ 149, pouco mais de R$ 400, enquanto a proteção para o iPhone X é ainda mais cara, US$ 199, ou cerca de R$ 620.

Não foram alterados, por outro lado, os valores dos reparos feitos dentro do AppleCare. As trocas e consertos de tela feitas para dispositivos dentro da garantia continuam custando US$ 29, aproximadamente R$ 90, com exceção do iPhone X, que não é citado nos termos, o que faz pensar que também veremos uma alta semelhante. O restante dos reparos continua custando US$ 99, cerca de R$ 310.

A Maçã não explicou a razão para dos aumentos, mesmo quando contatada pela imprensa. Os novos valores têm aplicação imediata, tanto para quem deseja adquirir a garantia estendida quanto para aqueles que já a possuem, passando a ter de pagar os novos preços caso precisem dos serviços daqui em diante. Apenas processos já em andamento parecem ainda contarem com os preços antigos.

Enquanto isso, não existem informações quanto a alterações de preços no Brasil e outros territórios. A tendência, entretanto, é que eles também aconteçam, já que a Apple costuma manter a mesma política de precificação em todos os países onde atua.

Fonte: Engadget

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.