Apple pode adotar telas OLED com nova tecnologia para lançar iPhones mais finos

Por Patrícia Gnipper | 12 de Dezembro de 2018 às 18h25
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

Na tentativa de lançar iPhones ainda mais finos e leves no próximo ano, a Apple pode adotar uma outra tecnologia de displays OLED flexíveis e com uma construção diferente, de acordo com pessoas ligadas a fornecedores de componentes para a Maçã.

As telas atuais usadas nos iPhones contam com uma camada separada sensível ao toque, posicionada na parte superior da tela. O novo display, no entanto, integra a sensibilidade ao toque diretamente à tela OLED, dispensando a camada adicional e, portanto, permitindo a construção de smartphones mais finos e mais leves. E, de acordo com o ETNews, a tecnologia será confeccionada pela Samsung Display.

Se o rumor se mostrar verdadeiro, essa será a primeira vez em que a Apple aplicará telas integradas ao toque em seus iPhones e, de acordo com outras fontes do setor, a Maçã já teria feito uma primeira encomenda da tecnologia à fabricante sul-coreana, que vem ampliando suas parcerias com empresas relacionadas no desenvolvimento de peças e materiais para esse tipo de display.

Contudo, as mesmas fontes dizem que, como a tecnologia terá um suprimento inicial restrito no ano que vem, é possível que apenas o modelo mais sofisticado dos iPhones de 2019 adote a novidade. De qualquer maneira, como é esperado que tal tecnologia seja mais barata (em comparação com os atuais displays com camada adicional sensível ao toque), provavelmente os futuros iPhones, de repente de 2020 em diante, já contem com o novo tipo de tela em todos os modelos lançados.

A Samsung é a atual fornecedora exclusiva dos displays OLED empregados nos iPhone X, XS e XS Max, mas a Apple também vem tentando fazer com que a LG se torne uma segunda fornecedora.

Fonte: 9to5Mac

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.