Apple não irá mais oferecer reparo gratuito de speakers defeituosos do iPhone 7

Por Jessica Pinheiro | 17 de Julho de 2018 às 18h02
TUDO SOBRE

iPhone 7

Proprietários de iPhone 7 e iPhone 7 Plus que possuem alto-falantes defeituosos precisarão desembolsar o conserto desse componente a partir de hoje, de acordo com diversas fontes. Até então, a Maçã era quem oferecia consertos gratuitos por meio de um programa de reparos não oficial, para os usuários que não conseguiam ativar a função durante as chamadas.

Até então, apenas unidades de iPhone 7 e iPhone 7 Plus eram afetadas por este problema, e, portanto, a Apple não lançou um programa de reparos oficial, informando a seus provedores de serviços autorizados que eles poderiam encaminhar estes casos isolados de conserto às lojas oficiais para que fossem reparados.

A partir desta terça-feira (17) tudo está mudando, e a Maçã afirma que não mais irá reparar os aparelhos gratuitamente sem garantia. Caso o usuário de um desses modelos venha a ter problema com os alto-falantes durante as chamadas fora da garantia, o proprietário terá de pagar para consertar o defeito.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

As informações divulgadas pelo Mac Rumors dizem o seguinte: “Fontes confiáveis ​​de múltiplos fornecedores de serviços autorizados da Apple informaram que [a Maçã] excluiu seu documento interno relacionado a esses problemas, e eles não podem mais realizar reparos gratuitos através do sistema [da empresa]”. Algumas pessoas disseram que o problema com os speakers, porém, ainda existem para alguns usuários.

A Apple, no entanto, ainda não deu uma posição oficial a respeito desta drástica mudança, tampouco justificou o motivo pelo qual irá encerrar o programa de reparos gratuitos. Isso significa que os dispositivos que precisarem de um novo alto-falante receberão uma taxa padrão pelo conserto, caso não tenham mais cobertura da AppleCare.

Fonte: Cult of Mac

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.