Após rumor, fornecedora da Apple nega suspensão na produção de iPhones

Por Eduardo Hayashi | 15 de Março de 2018 às 12h12
photo_camera CNET
TUDO SOBRE

Apple

Depois da divulgação de um relatório que apontava para uma possível paralisação na produção do iPhone 8 nas fábricas chinesas da Wistron, uma das fabricantes parceiras da Apple, a Maçã rebateu as informações alegando que "não houve nenhuma suspensão de produção de duas semanas".

O caso surgiu a partir de um boato de que a companhia norte-americana teria solicitado a paralização dos trabalhos depois de realizar uma inspeção de produção e chegado à conclusão de que os componentes à prova d'água eram de um fornecedor não certificado por ela.

Em comunicado oficial direcionado à Bolsa de Valores de Taiwan, a Wistron se recusou a comentar sobre questões relacionadas a clientes específicos, alegando que a produção de iPhones não foi interrompida, indo contra a os detalhes que foram divulgados no relatório.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Toda essa boataria foi suficiente para que as ações da empresa apresentassem queda de 5% durante o início das negociações financeiras em Taiwan.

A Wistron é responsável por uma pequena fatia da produção do iPhone 8 Plus em solo taiwanês, sendo a Foxconn a empresa que detém a maior responsabilidade sobre a confecção dos aparelhos móveis da Apple na região.

Fonte: DigiTimes

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.