Huawei P9 e P9 Plus chegarão com duas câmeras traseiras

Por Redação | 07 de Abril de 2016 às 06h02

Com a ambição de “mudar a fotografia de smartphone para sempre”, a Huawei acaba de anunciar seus novíssismos modelos P9 e P9 Plus, que contam com duas câmeras traseiras desenvolvidas em parceria com a Leica, conhecida internacionalmente por suas lentes de qualidade. Os aparelhos chegam para atender aquele público mais exigente, que faz questão de um hardware potente sem abrir mão de um design elegante. Bastante fino, o P9 tem somente 6,95 milímetros de espessura e sua construção foi feita toda em metal com bordas arredondadas para uma “pegada” mais confortável.

O Huawei P9 vem com tela LCD de 5,2 polegadas e resolução Full HD, apresentando 423 pixels por polegada, enquanto o P9 Plus traz tela AMOLED de 5,5 polegadas e resolução Full HD. Já quanto ao hardware interno, ambos os modelos trazem um processador octa-core mesclando 4 CPU Cortex-A72 com outros quatro Cortex-A53, além de GPU Mali-T880 MP4 (que já vem sendo usada nos smartphones lançados recentemente pela fabricante chinesa).

Huawei P9

As especificações técnicas são completadas por 3 GB de memória RAM na opção com 32 GB de armazenamento interno, ou 4 GB de RAM na versão com 64 GB de memória interna, e os dois modelos têm entrada para cartão microSD para quando o usuário necessitar ampliar esse espaço. A bateria do P9 tem capacidade de 3.000 mAh, um pouco menos do que os 3.400 mAh do P9 Plus, e ambos os modelos já vêm com o Android 6.0 Marshmallow com EMUI 4.1 de fábrica.

Com relação ao sistema de câmeras traseiras, o lançamento traz duas câmeras Leica SUMMARIT com abertura F/1.1 e 12 megapixels cada, trabalhando em conjunto para registrar imagens de qualidade superior à dos demais smartphones, enquanto a câmera frontal vem com 8 MP. O sistema duplo de câmeras conta com um foco poderoso, flash LED e estabilizador de imagem para captura de vídeos.

Huawei P9

Exemplo de fotografia registrada com o Huawei P9 (Reprodução: Divulgação)

Entendendo melhor como funcionam as câmeras traseiras: uma delas é monocromática, enquanto a outra captura imagens coloridas. O sensor monocromático captura muito mais luz do que o colorido, enquanto o sensor a cores captura um contraste mais apurado.

O sistema também tem um sensor de profundidade que permite focar objetos com maior precisão, quase como se estivesse usando uma câmera profissional. Outro detalhe que vai fazer com que os entusiastas da fotografia se empolguem com o Huawei P9: o modelo oferece um modo manual para o aplicativo da câmera, permitindo ao usuário controlar como desejar o ISO, velocidade do obturador e exposição. E mais: o aparelho salva os arquivos fotográficos no formato RAW (ou formato “cru”), que não aplica a compressão com perda de informações (como acontece com os arquivos JPEG, por exemplo).

Bom, com tantas especificações de ponta e um sistema de câmeras singular, é de se esperar que o novo smartphone da Huawei não custe barato. O P9 com 32 GB está previsto para custar € 599 (pouco mais de R$ 2.495), enquanto a versão com 64 GB sai por € 649 (cerca de R$ 2.703). Já o P9 Plus custa € 749, o equivalente a R$ 3.120.

Quem estiver interessado pode escolher entre seis diferentes cores (branca, cinza, prateada, dourada fosco, dourada brilhante e rosa), e as vendas se iniciarão oficialmente no dia 16 de abril nos seguintes países: Áustria, Bélgica, China, República Checa, Egito, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Jordânia, Líbano, Kuwait, Holanda, Noruega, Omã, Polônia, Qatar, Arábia Saudita, Espanha, Suécia, Suíça, Emirados Árabes e Reino Unido. Sim, é isso mesmo: pelo menos por enquanto o Brasil ficou de fora.

Fonte: Android Authority

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.