Xiaomi vai lançar smartphone com tela de safira em 2015

Por Redação | 23 de Dezembro de 2014 às 15h22
Tudo sobre

Xiaomi

Fora os problemas de patentes que a Xiaomi vem enfrentando, a gigante chinesa também enfrentou duras críticas por copiar recursos que a Apple já adotou em seus aparelhos. A empresa então colocou uma nova tática em prática: realizar aquilo que a Apple pensou em fazer, mas não fez. As informações são do site Cult of Android.

Um novo relatório da Xiaomi já indica essa mudança estratégica da empresa. Segundo as informações, a marca vai adotar tela de safira para o Xiaomi 5, que virá com 5,7 polegadas. O aparelho deve ser apresentado ao público na Consumer Electronics Show 2015.

A empresa já teria avisado a fornecedora das telas, a Biel Crystal Manufactory, sobre a expansão da sua capacidade de processamento do produto.

Assista Agora: Nunca mais contrate funcionários para sua empresa! Comece o ano em uma realidade completamente diferente!

A Apple pretendia passar a usar cristal de safira nos iPhone 6 e 6 Plus, tendo investido diretamente na GT Advanced Technologies para construir uma fábrica no Arizona que teria como único cliente a própria Apple. No entanto, antes do lançamento dos novos aparelhos, a empresa entrou em processo de falência por não ter sido capaz de produzir o suficiente para todos os novos iPhones da Maçã.

A Xiaomi deve ter mais facilidade que a Apple para aderir ao cristal de safira, uma vez que a marca não produz uma quantidade de aparelhos como a empresa americana e também está presente em poucos mercados. Mas a chinesa não será pioneira no mercado com as telas de safira: a japonesa Kyocera lançou smartphones com tela de safira no início deste ano, enquanto as chinesas Vivo e Huawei também já lançaram aparelhos com a tecnologia.

A Xiaomi deve seguir esse caminho de aproveitar ideias que a Apple teve, mas não as executou. Quanto às críticas de copiar a rival, a empresa não parece preocupada em se defender ou refutar as acusações.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.