Sites brasileiros de leilão estão suspendendo anúncios do iPhone 6 sem razão

Por Redação | 10.10.2014 às 16:45
photo_camera Divulgação

Já é tradição no Brasil: quando a Apple anuncia um novo modelo de iPhone, muitas pessoas vão ao exterior e trazem para cá alguns exemplares na pretensão de fazer um bom dinheiro com a venda praticamente exclusiva dos novos aparelhos. No entanto, ao que parece, neste ano as vendas ficarão mais difíceis para essas pessoas.

Segundo o site TechGuru, que publicou um artigo nesta quinta-feira (09), alguns internautas que estão tentando vender o iPhone 6 e o iPhone 6 Plus em sites como Mercado Livre, Bom Negócio e OLX tiveram seus anúncios cancelados e, em alguns casos, até mesmo suas contas suspensas. Ou seja, por enquanto, a venda ou troca dos novos aparelhos da Apple está proibida no Brasil nestes sites.

Em um comunicado feito a um vendedor que se queixou da retirada do anúncio, a OLX deixou claro que as vendas não poderão ser feitas porque o aparelho ainda não foi lançado oficialmente no Brasil.

Anúncios suspenso

No entanto, grandes redes varejistas como o Walmart estão vendendo o aparelho importado sem grandes problemas. Nesta rede, a versão com 64 GB sai por R$ 4.179 e o 6 Plus com 128 GB custa exorbitantes R$ 5.889. O Walmart informou que os aparelhos são comprados pela MultiStock, que os vendem a um valor "menos caro". Por lá, o modelo de 64 GB custa R$ 3.761,10 e o 6 Plus de 128 GB custa R$ 4.769,10.

Ainda não se sabe quem solicitou a proibição de venda dos novos iPhones no Mercado Livre, OLX e Bom Negócio. Alguns apostariam na Apple, enquanto outros imaginam que a Anatel, por ainda não ter homologado o aparelho no Brasil, tenha impedido a venda desses dispositivos por aqui.

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/44600/44600