Saiba mais sobre o leitor de impressão digital do novo iPhone 5S

Por Redação | 11.09.2013 às 12:10

Os rumores dos últimos meses se confirmaram, e o novo iPhone 5S terá um leitor de impressão digital capaz de substituir as senhas no smartphone. A função Touch ID é descrita pela própria empresa como "mais rápida, mais fácil, e até um pouco futurista". O scanner de digital promete agilizar alguns processos e confirmar a identidade do usuário, facilitando assim o desbloqueio de tela e a confirmação de compras na App Store, por exemplo. Ele também adiciona uma camada extra de segurança ao dispositivo, evitando que pessoas não autorizadas acessem o gadget, já que ele substitui o antigo código de bloqueio. Lembrando que esse é um recurso exclusivo do novo iPhone 5S.

A tecnologia também consegue fazer a leitura da digital em 360 graus, ou seja, não importa a posição do dedo – horizontal, vertical, de lado, ou o que for – a impressão será reconhecida pelo sensor biométrico. A Apple também garante que os dados mapeados pelo Touch ID são armazenados diretamente no processador A7 do smartphone, sem nenhuma cópia em um servidor na nuvem ou algo do tipo.

Como funciona?

Na verdade, desde que a Apple comprou a empresa de tecnologia de segurança AuthenTec, no ano passado, as pessoas esperam pela implantação do sensor de digitais. Isso porque a AuthenTec desenvolve uma série de soluções de segurança para mobile e também é responsável pela tecnologia de sensores de impressões digitais para PCs.

Provavelmente a Apple utilizou o conhecimento e tecnologias da empresa para criar seu próprio modelo de autenticação biométrica para o novo iPhone. Uma patente recém-descoberta detalha como o botão Home do dispositivo foi redesenhado para funcionar também como um scanner de impressões digitais.

A solução encontrada para embutir esse sensor no botão foi um anel capacitivo (anel prateado visto na imagem abaixo), construído para ficar em torno do botão Home e detectar o dedo do usuário sem que ele necessariamente pressione o botão. Esse anel é capaz de detectar as alterações na carga elétrica quando um dedo encosta nele, afinal o corpo humano é um bom condutor elétrico.

Touch Id iPhone 5S

Imagem: Divulgação / Apple

Assim que o dispositivo consegue verificar que o seu dedo está posicionado no botão, o mecanismo do sensor identifica todos os contornos das suas digitais, como curvas, falhas e até mesmo o sentido certo que cada uma das saliências tem. O botão em si é feito de cristal de safira, para proteger o sensor e também funcionar como uma lente com foco preciso no dedo.

Tim Bradshaw, repórter da Financial Times, divulgou um vídeo em sua conta no Vine mostrando o Touch ID em ação, confira: