Motorola anuncia oficialmente o Moto X. Confira as novidades!

Por Pedro Cipoli | 01 de Agosto de 2013 às 20h27

Depois de muitos rumores, teasers e especulações, a Motorola finalmente lançou o seu tão esperado Moto X, modelo que foi capaz de gerar muita expectativa entre os usuários Android. E não é para menos, afinal esse é o primeiro modelo que foi projetado pela empresa em parceria com o Google – e cotado para ser o principal top de linha do momento. Como veremos adiante, o Moto X não tem a intenção de ser brutalmente rápido com suas especificações, mas sim ser mais "inteligente" do que os modelos atuais e oferecer features que melhoram a experiência de uso. Confira!

Tela

A tela de 4,7 polegadas utiliza a famosa tecnologia Super AMOLED da Samsung com o diferencial de trazer uma matriz RGB completa, ou seja, com uma fidelidade de cores maior do que estamos acostumados. Nada de resolução Full HD, mas sim 720p, algo que não fica nada mal em 4,7 polegadas e resulta em uma densidade de pixels de 316 pontos por polegada, algo próximo da resolução Retina do iPhone 5.

Motorola Moto X 01

O vidro utilizado na tela é uma variação do Gorilla Glass que estamos acostumados. Conhecido como Magic Glass, esse novo material é cotado para ser mais resistente do que as versões Gorilla Glass atuais (como a do Samsung Galaxy S4) e tem um diferencial bem interessante: suas bordas são curvas, o que faz com que a interface entre tela e estrutura seja algo "contínuo".

Processador

Quando dissemos que o Moto X não tem a intenção de ser um modelo super rápido você ficou até meio triste, certo? Mas o hardware que equipa esse modelo não é nada ruim e traz alguns diferenciais importantes. Na parte do processamento temos um chip Qualcomm Snapdragon S4 Krait dual-core de 1,7 GHz, 2 GB de memória RAM e GPU Adreno 320 de quatro núcleos, o suficiente para rodar qualquer app disponível na Play Store.

Motorola Moto X

Até aí nada de muito revolucionário, mas tem mais. A Motorola implementou um chipset conhecido como Motorola X8 dedicado exclusivamente ao reconhecimento de fala e computação contextual. Basicamente isso significa que funções dependentes de reconhecimento de fala ou processamento inteligente, desde o Google Now até apps como o Wolfram Alpha, funcionarão de forma mais precisa e não exigirão nenhum cálculo do processador principal. Essa novidade faz parte de um pacote do Moto X de features que veremos agora.

Features

Ao contrário do que muitos rumores diziam, o Moto X vem com a versão 4.2.2 do Android e não a mais recente 4.3, o que não chega a ser um problema ainda mais com as modificações feitas pela empresa. Um deles é o "Touchless Control", função que basicamente mantém o Moto X ativo para receber comandos de voz 24 horas por dia. Esta é uma função que utiliza o Google Now como base.

Motorola Moto X 03

Imagine controlar todas as funções de seu smartphone sem encostar nele? É basicamente isso que o Touchless Control oferece. E mais: ele "aprende" a voz do usuário e começa a responder comandos apenas dela. No mínimo muito legal, mas as novidades continuam. Temos também um sistema de notificações completamente redesenhado conhecido como "Active Display", capaz de ativar somente uma porção da tela para mostrar chamadas perdidas, mensagens, atualizações do Facebook e assim por diante.

Câmera

A câmera recebeu funções extras e possui uma interface operável com comandos específicos. Basta clicar em qualquer lugar da tela para tirar uma foto ou começar a gravar um vídeo. Ela traz um conjunto de funções de software bastante interessante: HDR, efeitos ao vivo, possibilidade de silenciar o obturador e até a possibilidade de gravar vídeos em câmera lenta.

Motorola Moto X 04

As especificações da câmera também não são nada modestas: traseira de 10,5 megapixels capaz de gravar vídeos em Full HD em 60 frames por segundo com detecção de faces e locais, e tecnologia ClearPixel capaz de capturar imagens de excelente qualidade com pouca luz. A frontal de 2,1 megapixels também filma em Full HD, mas com 30 fps para funções de videoconferência.

Customização

O Moto X é basicamente um conjunto de diferentes configurações que podem ser escolhidas pelo usuário na hora da compra. Não se trata de um modelo "fechado" e é possível escolher vários detalhes como papel de parede embarcado, gravar uma mensagem personalizada na tampa traseira, 18 combinações de cores, detalhes como botão power, volume e anel em volta da câmera e assim por diante. Segundo a Motorola, isso possibilita até 2000 combinações diferentes para o usuário.

Motorola Moto X 02

Extras

Como se trata de um modelo top de linha, tudo o que podemos esperar do novo high-end da Motorola está presente: 4G LTE, NFC, GPS com A-GPS e GLONASS, Bluetooth 4.0. O modelo possui versões de 16 GB e 32 GB de memória interna e possui suporte para cartões micro SD de até 64 GB.

Preço e disponibilidade

O Moto X começará a ser ofertado hoje somente nos Estados Unidos com um preço inicial de US$ 199 em um contrato de 2 anos com as operadoras do país como AT&T e Verizon. Ainda não há um preço oficial do aparelho desbloqueado e nem previsões de disponibilidade por aqui, mas a página brasileira da Motorola já traz um teaser do aparelho e um formulário de cadastro. Para quem está pensando em dar uma passada nos EUA para garantir o seu, é importante destacar que a versão norte-americana do Moto X possui uma antena 4G que só funciona por lá.

Motorola Moto X 05

Gostou do Moto X? Conte-nos o que achou nos comentários!

Errata:

O Moto X não trará versões com suporte a cartões micro SD como havíamos informado.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.