Moto G no Brasil: um ótimo smartphone por um preço bem agressivo

Por Gabriel Tonobohn | 13.11.2013 às 15:45 - atualizado em 13.11.2013 às 16:44

A Motorola realizou hoje (13) em São Paulo o evento de lançamento do Moto G, seu novo smartphone focado no público que quer ter os benefícios de um bom dispositivo, mas sem pagar um valor abusivo por ele.

O Moto G parece ser uma aposta acertada da Motorola, principalmente em mercados emergentes como o brasileiro. Não à toa, apesar do lançamento ser global, o evento principal foi realizado no Brasil e transmitido para o mundo direto de São Paulo, onde o CEO Dennis Woodside esteve presente.

Hardware

O aparelho tem uma tela de 4,5 polegadas com resolução 720p LCD TFT, com um processador Snapdragon 400 quad-core de 1,2 GHz, 8/16 GB de armazenamento, câmera de 5 megapixels traseira e 1,3 megapixel frontal. A bateria é de 2.070 mAh capaz de suportar até 14 horas de conversação 3G.

Design

Com um formato curvo e elegante, o Moto G parece muito com seu irmão maior, o Moto X. Ele é bastante confortável de pegar e sua tela é pequena o suficiente para ser usada com apenas uma mão, mas também grande o suficiente para visualizar o que você quiser e navegar bem na web.

Moto G

Muitas cores e acessórios

Ao contrário do Moto X, que chegou ao Brasil apenas nas cores branco e preto, o Moto G chega aqui em várias cores, incluindo amarelo, vermelho, branco e preto. A parte traseira é removível, o que significa que você poderá comprar um nova capa se quiser ter outras opções de cores.

Haverá também um pacote "Moto G Music Edition", onde o Moto G será vendido junto com um fone de ouvido Air Tracks, da SOL REPUBLIC. O Fone tem um alcance sem fio de até 150 metros, mas também pode ser usado com fios, caso esteja sem bateria.

Além disso, a Motorola deve vender separadamente capinhas no melhor estilo "smart cover", que bloqueiam o celular ao serem fechadas e ligam a tela ao serem abertas.

Preço agressivo

No Brasil, o Moto G começa a ser vendido a partir de hoje por R$ 649, na versão de 8 GB. O modelo de 16 GB sai por R$ 799. Já a versão Music Edition, com o fone de ouvido bluetooth, sai por R$ 999.

c

Análise

Com um ótimo preço (nos EUA será vendido por apenas US$ 179), o Moto G tem uma chance ainda melhor do que o Moto X de se tornar um sucesso de vendas. Ele será lançado em 20 países e o Brasil está na lista dos primeiros a recebê-lo – o aparelho está disponível a partir de hoje na loja da Motorola.

A performance do Moto G, pelo pouco que pudemos analisar em um breve hands-on, é bastante satisfatória, com o Android 4.3 praticamente "puro" rodando. Uma atualização para o Android 4.4 KitKat já foi prometida para janeiro, o que também é uma ótima notícia.

Com essa faixa de preço, o Moto G supera a maior parte dos concorrentes facilmente, desbancando muito Samsung Galaxy e LG Optimus por aí e até mesmo concorrências caseiras, como o bom Motorola RAZR D3.