Lenovo finalmente revela seu mais novo smartphone, o Golden Warrior A8

Por Redação | 02.07.2014 às 15:54

A aspirante a maior fabricante de smartphones do mundo Lenovo finalmente revelou nesta quarta-feira (2) que seu mais novo smartphone está pronto. Batizado de Golden Warrior A8, o aparelho já vinha sendo alvo de rumores e especulações desde o mês de maio, mas só agora foi anunciado oficialmente pela companhia chinesa.

De acordo com informações do site asiático CNMO, o novo dispositivo virá equipado com um novo processador de oito núcleos da MediaTek, o MT-6592 e, ao contrário do que era especulado, virá sim com uma recente versão do Android, a 4.4.2 KitKat.

Além disso, o smartphone contará com um display de 5 polegadas e 1.280 x 720 pixels de resolução, 2 GB de memória RAM e 16 GB de armazenamento interno expansíveis via cartão microSD. Para quem curte fotografar tudo o que vê, o Golden Warrior A8 contará com uma câmera traseira de 13 megapixels e outra frontal de 5 megapixels.

Para dar aquela mãozinha na hora de capturar imagens em ambientes mal iluminados, as câmeras contarão com o auxílio de um flash dual LED na traseira do aparelho. Além disso, o aparelho é compatível com redes 3G e 4G graças ao modem MT6290 LTE, que lhe garante transferência de dados a até 150 Mbps.

O flyer oficial do Golden Warrior A8 destaca a conectividade do aparelho e traz consigo a imagem de um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos, Kobe Bryant. Ao que parece, empresa está disposta a investir pesado em marketing.

O banner oficial do Golden Warrior A8 destaca a conectividade do aparelho e traz consigo a imagem de um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos, Kobe Bryant. Ao que parece, empresa está disposta a investir pesado em marketing (Imagem: Reprodução/CNMO)

O Golden Warrior A8 chegará às prateleiras nas cores preta, branca, dourada e rosa pelo preço sugerido de US$ 128. Embora ainda não haja nenhuma informação que confirme a vinda do aparelho para o Brasil ou América Latina, este é apenas um dos mais de 60 smartphones que a chinesa Lenovo pretende lançar somente neste ano.

A companhia espera se tornar referência no que diz respeito a fabricação e produção de dispositivos móveis. Para isso, no começo do ano, adquiriu a divisão de dispositivos móveis da norte-americana Motorola, do Google, por US$ 2,9 bilhões.

Para se ter uma ideia da sua ambição, em seu último relatório financeiro a Lenovo mostrou que só no último ano fiscal foram vendidos mais de 59 milhões de dispositivos do tipo. A ordem é fazer com que esse número cresça cada vez mais.