John Sculley, ex-CEO da Apple, sugere que empresa deveria fazer iPhone barato

Por Redação | 16 de Janeiro de 2013 às 13h53

John Sculley, um dos primeiros CEOs da Apple, afirmou em entrevista para a agência de notícias Bloomberg que a empresa de Cupertino, Estados Unidos, deveria fabricar um iPhone mais barato para ampliar sua competição em países emergentes e, principalmente, com a Samsung. O ex-executivo, por sua vez, não costuma ser muito bem avaliado, já que é considerado um dos responsáveis por tirar Steve Jobs da empresa em 1985 e realizar uma série de estratégias errôneas.

"A Apple precisa se adaptar a um mundo muito diferente", disse Sculley. "À medida que os smartphones passam a custar US$ 500 (R$ 1.019), ou até menos do que isso para algumas empresas, como cem dólares por um smartphone, você tem que repensar radicalmente sua cadeia de suprimentos e como você pode fazer esses produtos e torná-los rentáveis".

O ex-CEO ainda acredita que o problema da Apple não é que seus próprios smartphones ficaram piores e pouco inovadores, e sim que as suas concorrentes diretas fizeram um bom trabalho para melhorar seus dispositivos e conquistar boa parcela do mercado nos últimos dois anos. Há quatro anos, o iPhone era o único dispositivo no mercado para quem buscava um smartphone com display touchscreen, agora, o Samsung Galaxy S III está oferecendo qualidade semelhante e está tirando uma parte do mercado da Apple.

John Sculley

Reprodução: Cult of Mac

"A Samsung é uma concorrente extraordinariamente boa", ressaltou John Sculley. "A diferença entre um Galaxy S III e um iPhone 5 não é tão grande como nós costumávamos ver". No entanto, a Apple negou na última semana os rumores que indicavam que ela estaria trabalhando em um modelo de iPhone mais barato, com carcaça de plástico e componentes presentes em outras gerações do dispositivo.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.