BlackBerry anuncia prejuízo bilionário e culpa baixas vendas do Z10

Por Redação | 27.09.2013 às 10:51
photo_camera BRUNO HYPOLITO / CANALTECH

Para selar sua má fase, a BlackBerry confirmou hoje um prejuízo quase bilionário no balanço do segundo trimestre fiscal, encerrado em agosto. O principal culpado, segundo a própria companhia, é o smartphone BlackBerry Z10.

O prejuízo total registrado foi de 965 milhões de dólares. A receita líquida do trimestre foi de 1,6 bilhões de dólares, com queda de 45% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando registrou 2,9 bilhões de dólares.

Mais preocupante ainda do que estes números é o fato da fabricante canadense ter vendido apenas 5,9 milhões de smartphones no trimestre, uma queda significante comparado aos 6,8 milhões do trimestre passado.

Para piorar, a empresa afirma que boa parte dos smartphones vendidos foram dispositivos equipados com o antigo BlackBerry 7 e não com o novo sistema, o BlackBerry 10. Isso significa que o BlackBerry Z10, a grande aposta da empresa para esse trimestre, simplesmente não vingou.

O relatório assume que grande parte do prejuízo – algo como 934 milhões de dólares – ocorre graças ao estoque de unidades de BlackBerry Z10 que simplesmente não foram vendidas. Em outras palavras, o smartphone que chegou para tentar salvar a BlackBerry de uma queda, acabou afundando-a de vez.

Venda e demissões

Recentemente, a BlackBerry anunciou que assinou uma Carta de Intenção para formalizar um acordo de venda da empresa, avaliada em US$ 4,7 bilhões, para um consórcio liderado pela Fairfax Financial (atualmente a maior acionista da companhia).

Além disso, a empresa também deve demitir cerca de 40% de seu quadro de funcionários global até o final de 2013. Em 2012, o número de demissões atingiu 5.000 funcionários. Com o novo corte, outros 4.500 trabalhadores podem ficar desempregados.