Atualização do iOS inclui aplicativo do Apple Watch que não pode ser excluído

Por Redação | 10 de Março de 2015 às 10h04

A Apple lançou a mais nova atualização do seu sistema operacional móvel, o iOS 8, nesta segunda-feira (09) e um aplicativo em especial tem chamado a atenção dos usuários: um app do Apple Watch que não pode ser deletado. Trata-se do software que permite aos futuros donos do novo relógio da Maçã emparelhar o gadget com o seu iPhone, fazer download de novos apps, entre outros recursos.

O Apple Watch estará disponível a partir do dia 24 de abril em alguns países – Brasil ficou de fora da lista inicial – e o iPhone terá um papel fundamental no funcionamento do relógio, uma vez que o smartphone vai ficar com boa parte do trabalho "pesado" do gadget. Isso quer dizer que o dispositivo vestível vai precisar do telefone para executar a maioria das funções dos seus aplicativos, como acesso às mensagens, a Siri, etc.

App Apple Watch

Imagem: Reprodução / CNET

Assim como o Calendário, Contatos e outros aplicativos do iOS, o novo app do Apple Watch não pode ser excluído do seu iPhone. Podemos pensar nisso como uma espécie de propaganda estratégica, conforme bem destaca o CNET. Afinal, ela será exibida em milhões de telas de iPhones que circulam pelo mundo. A Apple ainda não confirmou se o app um dia se tornará removível.

A empresa revelou mais detalhes do seu relógio inteligente durante seu evento de primavera na tarde de ontem. O CEO da empresa, Tim Cook, e outros executivos da Maçã apresentaram recursos e parcerias para novos aplicativos. Os preços do gadget variam entre US$ 350 e US$ 10 mil (em sua versão Edition, feita em ouro 18 quilates).

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.