Apple teria atrasado de propósito o lançamento do iPhone 6 de tela maior

Por Redação | 25 de Julho de 2014 às 15h25
photo_camera Divulgação

Setembro está chegando, e tudo indica que será esse o mês em que a Apple irá revelar seus novos produtos, entre eles possíveis modelos do iPad, MacBook e o tão comentado relógio iTime (ou iWatch). Mas o campeão de rumores, sem dúvida, é o iPhone 6, que deve ser um marco na história da companhia e ser lançado em duas versões diferentes.

Muitas são as especulações sobre a sexta geração de smarpthones da Maçã. Com base em fontes ligadas à companhia, o que especialistas e a imprensa internacional dão como certo é que essas duas versões terão tamanhos distintos: uma seguirá o modelo atual, com 4,7 polegadas, e a outra entrará na categoria de "phablet" - mistura de tablet com smartphone -, com 5,5 polegadas. Agora, uma nova informação aponta que o tamanho não será a única diferença entre os dispositivos, mas também suas datas de lançamento.

Fontes disseram ao DigiTimes que o iPhone 6 de 4,7 polegadas será o primeiro a chegar no mercado. Se a Apple seguir a tradição dos anos anteriores, é provável que o aparelho desembarque nas lojas de alguns países ainda em setembro, cerca de duas ou três semanas após o anúncio oficial. Já o modelo maior, com tela de 5,5 polegadas, seria lançado alguns meses depois propositalmente para não competir com a versão menor.

De acordo com os informantes, a Apple teria tomado essa decisão com base no lançamento simultâneo dos iPhones 5s e 5c, no ano passado. Na época, o iPhone 5s foi disparado o mais vendido e manteve esse índice nos meses seguintes, deixando o irmão mais novo para trás. Inclusive, algumas lojas em determinados países chegaram a encalhar em março deste ano mais de 3 milhões de unidades do iPhone 5c pela baixa procura do público, que optou ou pelo 5s ou por um aparelho de outra fabricante.

Nas últimas semanas, um outro relatório dizia que o modelo de 5,5 polegadas do iPhone 6 iria atrasar por problemas na produção, fazendo com que o dispositivo só chegasse ao mercado no ano que vem. No entanto, esse rumor teria sido desmentido com base em uma reportagem do Wall Street Journal, que afirmou que a Apple teria encomendado entre 70 e 80 milhões de unidades do iPhone 6 para este ano, tornando-se assim o maior lançamento da história da empresa.

A Apple não confirmou oficialmente nenhuma informação.

Últimas do iPhone 6:

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.