Apple reduz pela metade tempo para devolução do iPhone

Por Redação | 12 de Março de 2014 às 18h07
photo_camera Reprodução

Sem grandes alardes ou avisos prévios, a Apple reduziu pela metade o tempo permitido para devolução do iPhone caso o consumidor não fique satisfeito com o aparelho. Nos Estados Unidos, até agora, o prazo era de 30 dias, mas foi reduzido para 14 para ficar em conformidade com as políticas praticadas com outros produtos da empresa e operadoras de telefonia.

Algumas taxas, porém, podem incorrer sobre essa prática. É o que a Apple chama de “custo de reestoque”, quando o cliente devolve o aparelho dentro do prazo estabelecido e recebe seu dinheiro de volta, menos um valor de US$ 35 (aproximadamente R$ 80). As informações são do SlashGear.

A Apple também possui uma política de devoluções e reembolsos no Brasil, mas, no site da versão nacional de sua loja online, não cita o período durante o qual essa prática é permitida. Segundo o Código de Defesa do Consumidor, o chamado “direito de arrependimento” é válido por sete dias a partir da data de compra.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.