3D Touch tornou iPhone 6s mais pesado

Por Redação | 15 de Setembro de 2015 às 10h35

Ao incluir os mecanismos que trouxeram o 3D Touch para os novos iPhones, a Apple conseguiu fazer com que os aparelhos não fossem maiores nem mais grossos que os antecessores. O mesmo, porém, não pode ser dito sobre o peso dos dispositivos, já que, de acordo com documentos oficiais da empresa, os modelos 6s e 6s Plus terão um incremento de 20% nesse fator.

Os números apareceram em relatórios de meio-ambiente da companhia e mostram que o iPhone 6s pesará 143 gramas, 14 a mais que o antecessor; enquanto o 6s Plus chega a 192 gramas, com um aumento de 20 em relação ao iPhone 6 Plus. As telas dobraram de tamanho nos novos aparelhos e foram as principais responsáveis por esse aumento.

Mas os displays não estão sozinhos nisso. A Taptic Engine, outro mecanismo essencial para o sistema do 3D Touch, também veio para tornar os novos iPhones mais pesados. O sistema também foi o responsável pela redução no tamanho físico da bateria, já que teria que se acomodar em meio a componentes que já ocupavam todo o espaço disponível no interior dos smartphones.

Quando se fala nos números, parece um grande incremento, mas a diferença não deve ser tão sentida assim na prática. O uso de alumínio e outros metais leves contribuíram para que o iPhone 6s e seu irmão maior, o Plus, não fossem assim tão pesados em sua geração anterior e o mesmo deve valer para esta, mantendo o design fino que já se tornou tradição nos produtos da Apple.

Ao mesmo tempo, a introdução de novos componentes internos deve impedir o retorno de um problema que causou muita dor de cabeça para a Apple na época do lançamento do iPhone 6S. O bendgate, como ficou conhecida a falha de design que fazia com que o modelo entortasse quando utilizado no bolso de calças rígidas ou muito apertadas, pode efetivamente se tornar coisa do passado, já que os dispositivos inéditos têm uma estrutura mais fortificada que os anteriores.

Por outro lado, temos aqui algo que a empresa pode ter que se preocupar no futuro próximo. Se a introdução de novas funções dependerem de adições físicas ao corpo do aparelho, a tendência é que o peso volte a aumentar, causando estranheza entre os usuários que não gostam de carregar muito peso no bolso.

O 3D Touch é um sistema semelhante ao Force Touch, já disponível nos notebooks e no smartwatch da Apple. Ele permite que o iOS detecte a pressão dos toques feitos pelo usuário na tela por meio de mecanismos internos, criando novas formas de interação. Agora, a plataforma é capaz de diferenciar toques breves daqueles feitos com mais consistência, além de entender melhor a forma como cada pessoa trabalha com o display.

A novidade é exclusiva dos novos iPhones, que chegam às lojas dos Estados Unidos, Europa e outros países asiáticos no final de setembro. Por enquanto, os modelos 6s e 6s Plus ainda não têm uma data marcada para aterrissarem no Brasil.

Fonte: The Verge

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.