Monstro da segunda temporada de Stranger Things pode ser o Thessalhydra

Por Redação | 11 de Julho de 2017 às 08h34

Stranger Things explodiu na Netflix no ano passado e trouxe um monstro enigmático e perigoso em sua primeira temporada. E agora que estamos em hiato entre uma temporada e outra, diversas teorias começaram a rolar entre os fãs sobre o que, de fato, aconteceu na trama e o que acontecerá no futuro. E, com base nessas teorias, talvez vejamos o Thessalhydra como o monstro da segunda temporada da produção.

No comecinho da primeira temporada, Will, Mike, Dustin e Lucas estão jogando RPG e enfrentando uma criatura chamada Demogorgon. Então, no fim da temporada, os amigos estão jogando RPG de novo, mas, dessa vez, derrotando o monstro Thessalhydra. Esse monstro é um híbrido de uma Hydra, fazendo parte de um grupo de monstros chamado thessalmonsters, que engloba outras criaturas igualmente híbridas como Thessalmera, Thessalgorgon e Thessaltrice. E o Thessalhydra possui um corpo em formato de réptil com oito cabeças de serpente.

Então, os fãs imaginam que, da mesma maneira que o jogo de RPG previu como seria o monstro a aterrorizar os garotos ao longo da primeira temporada, pode ser que o monstro exibido no jogo nos últimos episódios seja o vilão da segunda temporada. Na aventura imaginária, Will derrota o monstro com uma bola de fogo, enquanto Lucas corta sete de suas cabeças. Portanto, ainda sobraria uma cabeça para causar estragos por aí.

Outra ideia que reforça a ideia de que o Thessalhydra possa ser o monstro a aterrorizar a segunda temporada é a quantidade de pessoas capturadas na primeira temporada. No último episódio, Dr. Martin fala para Joyce que seis pessoas haviam sido capturadas somente naquela semana, além de Barb, que foi encontrada morta, e Will, que cospe uma criatura nojenta no fim da série. Sendo assim, seis pessoas + Barb + Will = oito pessoas. E o monstro tem oito cabeças.

Faz sentido?

Fonte: Stranger Things Brasil