Game Life is Strange ganhará série de TV com atores reais

Por Redação | 27.07.2016 às 17:50
photo_camera Divulgação

Life is Strange, aventura episódica distribuída pela Square Enix e um dos jogos mais aclamados de 2015, vai virar série de TV pelas mãos da Legendary Digital Studios (Dead Rising: Watchtower).

De acordo com um comunicado oficial, o projeto será desenvolvido e produzido em conjunto por Dmitri Johnson e Dan Jevons, ambos da DJ2 Entertainment. Ainda não há previsão de quando a atração será lançada, uma vez que o estúdio sequer encontrou um roteirista e um diretor para a adaptação. Também não foi definida uma emissora para a transmissão do seriado, o que significa que este pode chegar aos serviços de streaming, como Netflix e Hulu.

"O jogo realmente se diferencia do que as pessoas pensam sobre video games. Pelo seu foco em personagens, há uma conexão emocional com a história que não acontece em outros jogos", disse Greg Siegel, vice-presidente de desenvolvimento da Legendary.

Jon Brooke, da Square Enix, destacou que o programa terá "uma nova versão de Arcadia Bay e da Academia Blackwell, além de personagens e eventos realistas e marcantes" - ou seja, é possível que o título tenha alguns elementos da trama original alterados ou seja uma sequência do jogo original. O estúdio francês Dontnod, que desenvolveu o game, afirmou que "Life is Strange se encaixa perfeitamente em uma adaptação live-action".

Lançado em cinco episódios entre janeiro e outubro de 2015, Life is Strange conta a história de Max Caulfield, estudante de fotografia da Academia Blackwell, uma escola de artes e ciências localizada em Arcadia Bay, Oregon. Após presenciar o assassinato de sua melhor amiga Chloe Price, a jovem descobre ter a habilidade de manipular o tempo a seu favor. Boa parte do jogo mostra a rotina de Max e em sua vida escolar, e como a garota lida com o uso de seus poderes - que, consequentemente, fazem com que cada uma de suas escolhas crie um efeito borboleta no decorrer dos episódios.

O título, que em janeiro deste ano ganhou legendas em português, tem versões para PC, PlayStation 3, PlayStation 3, Xbox One e Xbox 360. O primeiro capítulo está disponível gratuitamente por tempo indeterminado.

Fontes: The Hollywood Reporter, The Verge