VPN não protege computadores em Wi-Fi públicas, afirma especialista

Por Redação | 15 de Junho de 2015 às 10h58

As VPNs são utilizadas para criar uma conexão segura entre os computadores e a internet, assegurando que o tráfego de dados não sofra nenhuma interceptação maliciosa. Elas são bastante utilizadas em computadores que costumam utilizar redes Wi-Fi públicas, que deixam a privacidade do usuário vulnerável. No entanto, de acordo com Larry Seltzer, engenheiro de software e consultor de segurança, nem mesmo as redes virtuais privadas conseguem proteger o tráfego de usuários mal-intencionadas conectadas na mesma rede.

Segundo Seltzer, há uma falha crucial no uso das VPNs: elas não entram em ação imediatamente quando um usuário se conecta a uma rede Wi-Fi. Assim, seus dados são expostos "por alguns segundos" quando a rede é aberta. Mesmo assim, o especialista afirma que realmente as VPNs são a melhor maneira de se proteger em redes públicas.

O perigo ocorre quando é necessário fazer cadastro e login na Wi-Fi de cafés, restaurantes e aeroportos, por exemplo, quando é preciso utilizar a rede local antes do computador conseguir se conectar à internet. Neste período, o computador fica vulnerável a possíveis ataques e só passa a ser protegido quando a VNP entra em ação, canalizando a comunicação. Em quedas de conexão o perigo também existe.

De acordo como o especialista, alguns segundos de exposição em redes públicas já são suficientes para colocar senhas e dados pessoais em risco. "Você utiliza um cliente de e-mail POP3 ou IMAP? Se eles atualizarem automaticamente, esse tráfego está aberto para qualquer um ver, incluindo suas credenciais de login", explica Seltzer.

Visto que o risco é existente, como proceder? Há uma solução que qualquer pessoa pode utilizar, embora requeira paciência e um certo nível de conhecimento para manusear o firewall do computador. Segundo o especialista, é importante bloquear por padrão todas as conexões de entrada e saída em redes públicas para se proteger. Além disso, deixar livre apenas um navegador secundário utilizado para realizar o login no cadastro do Wi-Fi público.

Suas informações pessoais estarão protegidas até a ativação da VPN, mesmo que seu computador acesse uma rede desconhecida por alguns segundos. Para que o processo possa dar certo, é essencial que o navegador permitido na rede pública seja utilizado somente para este fim. Além disso, acesse-o preferencialmente em modo anônimo.

Via Ars Technica

Fonte: http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2015/06/uso-de-vpn-nao-protege-computador-em-um-wi-fi-publico-diz-especialista.html

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.