Vítimas do roubo de dados do Ashley Madison começam a ser chantageadas

Por Redação | 15.12.2015 às 13:55
photo_camera Divulgação

O que os usuários afetados pelo roubo de dados do Ashley Madison temiam começou a acontecer. Diversos deles estão sendo supostamente chantageados a pagar um valor alto em dinheiro para que seus familiares e amigos não tenham acesso a detalhes de suas contas no site de relacionamentos. Apesar do roubo ter acontecido há alguns meses, os efeitos do ciberataque ainda continuam.

Em agosto, hackers postaram cerca de 10 GB de dados oriundos do Ashley Madison, o que deixou milhares de usuários expostos. Os arquivos incluíam detalhes da conta de membros do site, como nomes, endereços, números de telefone, logins e informações de cartão de crédito. Segundo o blog de segurança, Graham Cluley, algumas cartas enviadas foram entregues via correio e exigiram milhares de dólares para não revelar detalhes de inscrições de usuários do site.

"Acabei de receber uma carta postal física para minha cada pedindo US$ 4.167 se não minha conta no Ashley Madison seria exposta para pessoas próximas a mim", afirmou um usuário do site.

A decisão de enviar uma carta física é bastante ousada, uma vez que, obviamente, há evidências que podem ajudar a polícia nas investigações. Com o envio, os chantagistas estão tentando a sorte, tendo em vista que muitos dos usuários podem pagar a quantia com medo de ter seus dados revelados.

A invasão aos servidores do Ashley Madison foi um dos maiores ataques cibernéticos registrados este ano. Dados de contas de milhões de usuários foram roubados e muitos deles se mostraram preocupados com o destino de tais informações. Visto que o Ashley Madison é um site para relacionamentos extraconjugais, usuários estão apreensivos de que seus dados sejam expostos para pessoas próximas. Este medo estimula os criminosos as chantagens que, infelizmente, estamos presenciando.

Fonte: The Next Web

Fonte: http://thenextweb.com/insider/2015/12/15/ashley-madison-hack-victims-are-now-being-blackmailed-for-thousands-of-dollars/