Bandidos usam ativação do YouTube em smart TVs para aplicar golpes

Bandidos usam ativação do YouTube em smart TVs para aplicar golpes

Por Felipe Demartini | Editado por Claudio Yuge | 12 de Agosto de 2021 às 17h00

Muitos dos golpes online mais simples se aproveitam, justamente, da inabilidade dos usuários com tecnologia. Este é mais um exemplo, com criminosos utilizando páginas falsas de ativação do YouTube em smart TVs para induzir as vítimas a realizarem pagamentos. Pior, o próprio sistema de pesquisas do Google é usado como um acessório para o golpe, dando aparência de legitimidade aos sites fraudulentos.

A tentativa acontece quando o usuário, em vez de acessar a tela de ativação do YouTube diretamente, por meio da digitação da URL, faz isso jogando o endereço no buscador. Entre links legítimos para o endereço youtube.com/activate, que é o oficial, tópicos de ajuda da plataforma e até tutoriais em sites de tecnologia como o próprio Canaltech, entretanto, aparecem as páginas fraudulentas, hospedadas nos sistemas do próprio Google como forma de ampliar a aparência de legitimidade da fraude.

Páginas falsas de ativação do YouTube em smart TVs aparecem em meio a resultados legítimos e levam usuários a golpe do falso suporte técnico (Imagem: Captura de tela/Felipe Demartini/Canaltech)

Elas nem mesmo fazem questão de simular a página oficial de ativação, solicitando que o usuário insira o código exibido na televisão. Apenas esse dado não é útil para os criminosos, nem coloca a conta do usuário em risco, então, o golpe vem depois, com uma mensagem de erro que pede que a vítima em potencial ligue para um falso serviço de suporte técnico, onde um atendente se identificando como funcionário do YouTube pede dados pessoais e informações de cartão de crédito.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O bandido explica que um valor será debitado do cartão e estornado em seguida, como forma de realizar uma verificação de autenticidade da conta do usuário. Esse tipo de autenticação não existe e, desnecessário dizer, a devolução jamais acontece, com uma reportagem do site americano Mashable apontando cobranças que podem chegar às centenas ou milhares de dólares.

Por enquanto, se trata de um golpe que vem sendo aplicado em usuários falantes do inglês, mas os sites fraudulentos aparecem até mesmo para os brasileiros, quando se realiza o processo de pesquisa do link de ativação. A reportagem também fala em golpistas utilizando o serviço de transferência de dinheiro Zelle ou a plataforma de compra de cartões-presente do Uber, com direito a auxiliar a vítima na configuração de sua conta e a acompanhando do início até o final do golpe.

O Google não comentou sobre o caso, enquanto as páginas fraudulentas permaneciam no ar até o momento de publicação desta reportagem. Aos usuários, o ideal é acessar a página de ativação diretamente, pelo endereço indicado na tela da TV, em vez de realizar pesquisas sobre o assunto. Além disso, vale a pena prestar atenção em sites ou aplicativos que exijam cadastros ou dados pessoais, jamais entregando informações e, principalmente, dinheiro, caso não tenha certeza absoluta.

O mesmo também vale para atendimentos telefônicos, que devem ser acessados a partir de telefones disponíveis em sites oficiais e certificados. Não entregue informações ao receber chamadas, e caso desconfie que a solicitação recebida seja real, procure buscar os meios diretos, em vez de atender às solicitações de um possível golpista.

Fonte: Mashable

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.