Todos querem saber o que você anda fazendo na internet. Saiba como evitar isso.

Por Pedro Cipoli

Grandes empresas pagam uma fortuna para ter informações sobre os usuários sem se preocupar com violação de privacidade. Assim, podem customizar seus mecanismos de venda para empurrar toneladas de anúncios de produtos que preencham seus perfis. Nesse cenário, quanto mais informações obtidas, melhor, e até ai nenhuma novidade, certo?

Embora muitos usuáros acreditem que isso não seja um problema, uma velha e famosa frase nos diz por que devemos começar a nos preocupar com: "Se você não está pagando por um serviço, você é o produto, não o consumidor". E cada vez mais essa afirmação é dolorosamente verdadeira.

A maioria das pessoas não consegue compreender a necessidade de preencher um formulário com idade, histórico médico, hábitos e renda familiar ao se inscrever em um novo serviço. Em pouco tempo, recebe-se uma tonelada de anúncios de produtos e serviços que até então eram desconhecidos. E ainda aparecem ofertas com condições fantásticas (mas somente por tempo limitado). Agora sim, aquele formulário fez sentido.

Será que podemos fazer algo para combater isso? Sim, podemos, e a solução não é tão complicada quanto parece. Basta fazer algumas configurações simples no seu navegador favorito e parar de se procupar em enviar suas informações para terceiros. Abaixo vamos mostrar que extensões utilizar nos dois browsers mais utilizados atualmente: o Google Chrome e Mozilla Firefox.

Adblock Plus

Adblock plus

Uma das extensões preferidas de usuários que estão cansados de visualizar anúncios onde quer que naveguem, o Adblock Plus, bloqueia a grande maioria dos banners que são carregados com as páginas. Além de permitir uma visualização mais limpa, ele também faz com que o tempo de carregamento das páginas seja ligeiramente menor, já que os anúncios interferem bastante no tamanho total de download.

Baixe o ABP para Google Chrome

Baixe o ABP para Mozilla Firefox

Ghostery

Ghostery

Muitos websites atuais utilizam cookies para armazenar dados do usuário ou algum tipo de plugin. Geralmente, são uma pequena quantidade de informações que eles armazenam enquanto o usuário está navegando, como as pesquisas feitas e que partes do site foram clicadas. A cada novo acesso, essas informações são processadas.

Enquanto muitas páginas usam essa técnica para facilitar o acesso à informação, outras as utilizam para criar um perfil do usuário que a acessou não só para redirecionar conteúdo, mas também para carregar anúncios personalizados e invasivos. Com o Ghostery, bastam algumas configurações simples para bloquear qualquer envio de informações.

Baixe o Ghostery para Google Chrome

Baixe o Ghostery para Mozilla Firefox

NoScript

Noscript

Além dos anúncios em si, alguns websites fazem uso de scripts tanto para carregar alguns elementos quanto para capturar qualquer tipo de informação que o usuário enviar. Ao instalar o NoScript, centenas ou mesmo milhares de dados ficarão bloqueados ou não carregarão completamente, sendo possível escolher que scripts carregar.

Embora no começo seja necssário um pouco de trabalho, em pouco tempo será possível indentificar quais desses scripts roubam informações, evitando que qualquer tecla digitada seja enviada sem a nossa autorização.

Baixe o NoScript para Google Chrome

Baixe o NoScript para Mozilla Firefox

Do Not Track Plus

Do not track plus

A versão melhorada do Do Not Track original é bastante útil quando se trata de plugins sociais, como o botão "Curtir" do Facebook e "+1" do Google+, mostrando onde estes estão localizados e se o usuário realmente deseja compartilhar essa informação. Basicamente, ele permite que possamos escolher se queremos enviar nossas informações ou não.

Baixe o DNT+ para Google Chrome

Baixe o DNT+ para Mozilla Firefox

Escolhemos esses quatro plugins por vários motivos. Primeiramente, como fazem tarefas diferentes para manter a nossa privacidade, podem ser utilizados em conjunto sem que um interfira no funcionamento do outro, bloqueando o envio de informações com métodos diferentes. Em segundo lugar, são compatíveis tanto com o Chrome quanto com o Firefox, assim como vários outros navegadores. Além disso, são totalmente gratuitos e bastante fáceis de configurar, sendo voltados tanto para usuários iniciantes quanto para os mais experientes.

Já utiliza algumas das extensões acima? Conte para nós!

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.