Shamoon: novo ataque destrói arquivos em vez de roubar dados

Por Redação | 21.08.2012 às 09:34

Uma nova série de ataques direcionados na internet foi descoberta por uma das maiores especialistas em segurança na internet, a Symantec. São os chamados ataques Shamoon, que têm como foco ao menos uma organização do setor energético.

No entanto, em vez de atacar dados críticos das empresas a fim de roubar informações confidenciais, como fazem os mais preocupantes vírus já lançados, os ataques Shamoon inutilizam os computadores infectados ao corromper seus principais arquivos.

Tais ataques aproveitam o malware destrutivo conhecido como Disttrack, que além de danificar os arquivos, sobrescreve os registros de inicialização das máquinas infectadas. Esse malware também possui uma função suicida, ou seja, ele se autodestrói assim que cumpre seu objetivo.

Ameaças com conteúdos destrutivos não são comuns e raramente são encontradas em ataques direcionados. O Symantec Security Response continuará analisando esta ameaça e compartilhará informações adicionais assim que estiverem disponíveis.

Vale ainda mencionar que os clientes da Symantec estão protegidos contra esta ameaça, que será detectada por seus sistemas de segurança. Encontre mais informações sobre os ataques Shamoon no site da Symantec.