Outlook: serviço de e-mails sofre ataque de interceptação na China

Por Redação | 20 de Janeiro de 2015 às 08h34

Usuários do Outlook na China foram alvo de ataques hackers durante o último fim de semana. A afirmação veio da firma de segurança GreatFire, que aponta um ataque do tipo "man-in-the-middle", que intercepta a conexão das vítimas e analisa os dados que estão trafegando entre seu computador e o servidor de um serviço específico.

De acordo com a Reuters, o ataque ocorreu no último sábado (17) e durou cerca de 24 horas. Durante esse período, usuários do serviço de e-mails da Microsoft que acessaram suas caixas de entrada na web, no Outlook e no Thunderbird tiveram seu fluxo de conexão alterado.

O mais surpreendente de tudo é que, aparentemente, o responsável pela ofensiva hacker é o próprio governo chinês. Ataques e bloqueios a serviços estrangeiros estão se tornando cada vez mais comuns no país, que é conhecido por ter o mais sofisticado sistema de censura online do mundo. O objetivo, segundo a agência de notícias, é simples: vetar e impedir que qualquer divergência com o Partido Comunista apareça na internet.

"Se nossa acusação estiver correta, esse novo ataque mostra que as autoridades chinesas têm a intenção de reprimir mais ainda os meios de comunicação que eles não podem controlar com facilidade", disse a empresa de segurança.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.