Infográfico: o impacto dos dispositivos móveis sobre a segurança das informações

Por Redação | 25 de Junho de 2013 às 14h37

O Bring Your Own Device (BYOD) ainda é algo que divide opiniões dentro das empresas, mas um fato é que essa prática está crescendo rapidamente e comprometendo a segurança de companhias menos preparadas para lidar com essa tendência.

A empresa de segurança para internet 'Check Point' criou um infográfico analisando o impacto dos dispositivos móveis sobre a segurança das informações. De acordo com a pesquisa, duas em cada três empresas permitem o uso de dispositivos pessoais para se conectar às redes corporativas.

Um dado alarmante é que mais da metade (63%) das empresas que permitem o uso de dispositivos móveis pessoais não têm o hábito de administrar as informações corporativas armazenadas neles. Isso nos leva a maior preocupação em relação ao BYOD: a perda de informações corporativas (94%).

O custo de incidentes relacionados à segurança móvel é alto. Para ter uma ideia, em 2012, 16% das empresas que sofreram com esse tipo de incidente gastaram acima de US$ 500 mil para reparar os danos, enquanto 13% das organizações afetadas gastaram entre US$ 250 mil e US$ 500 mil.

A plataforma móvel que mais apresenta risco para a segurança de uma empresa é o Android (49%), seguido por dispositivos com software da Apple (25%), Windows Mobile (17%) e BlackBerry (9%), fechando a lista com o percentual mais baixo de risco.

Leia também: BYOD: A mobilidade e a insegurança de redes de mãos dadas

Infográfico BYOD
Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.