Estudo: 23% dos aplicativos para Android oferecem riscos ao usuário

Por Redação | 03.12.2014 às 11:11 - atualizado em 03.12.2014 às 11:23
photo_camera Divulgação

Um estudo realizado pela empresa de segurança digital Trend Micro indica que 23% de 11 milhões de aplicativos móveis para Android analisados apresentam ameaças de alto risco ou adwares aos usuários.

Dos apps maliciosos detectados, 13% são completamente maliciosos ou classificados como malware. Em grande parte, essas aplicações são originadas de lojas de terceiros, ou seja, outras lojas que não sejam a Google Play. No mês de outubro, a Trend Micro contabilizou mais de 532 mil amostras para Android e quase um terço delas (29%) foi considerado malware, enquanto outros 30% são adwares. Menos da metade (41%), número consideravelmente baixo, dos aplicativos verificados pela empresa de segurança são considerados seguros.

Segundo a empresa, o número crescente de ameaças é diretamente proporcional ao aumento da adoção de apps para dispositivos móveis e a configuração de um mercado maduro e bastante atrativo para as ameaças e crimes digitais.

O problema disso é que lojas terceiras, que não têm nenhum vínculo com o Google e que cujos procedimentos de verificação de segurança são duvidosos, estão se popularizando cada vez mais e já contabilizam mais downloads que a Google Play. No estudo, a Trend Micro aponta que 4,17 milhões de downloads foram feitos nesse tipo de loja, enquanto que na loja oficial do Google esse número foi de apenas 2,58 milhões.

Tendo em vista este período de fim de ano, quando as compras online aumentam consideravelmente e os cibercriminosos se aproveitam para lançar todo tipo de software malicioso para obter dados pessoais e bancários, a principal recomendação é que os usuários fiquem longe desse tipo de loja se quiserem permanecer seguros. O principal motivo disso é que as lojas oficiais de aplicativos para os sistemas móveis possuem procedimentos de verificação de segurança dos apps para garantir a integridade dos usuários, o que nem sempre acontece nessas lojas terceiras.

Portanto, desconfie daquele app em promoção numa loja virtual que você jamais ouvir falar a respeito e fique atento. Todo cuidado é pouco.

Fonte: http://convergecom.com.br/tiinside/seguranca/mercado-seguranca/02/12/2014/estudo-da-trend-micro-mostra-indice-de-seguranca-dos-apps-moveis/#.VH71tdLF9F-