Descobertos computadores infectados com malware diretamente na fábrica

Por Redação | 14 de Setembro de 2012 às 10h53

A Micrososft descobriu quatro PCs que logo após serem fabricados, já foram pré-infectados com malware. É isso mesmo: os cibercriminosos conseguiram infectar computadores diretamente na linha de produção.

Segundo informações postadas em um blog da empresa, o vírus se chama Nitol e, segundo relatório emitido pela Microsoft, sua função é roubar informações pessoais dos futuros donos do computador. As informações seriam repassadas para criminosos que roubariam suas contas bancárias online.

A descoberta foi feita quando investigadores de crimes digitais da Microsoft compraram 10 desktops e 10 notebooks de diferentes cidades na China. Dos 20 computadores analisados, quatro estavam infectados com programas maliciosos - e todos tinham acabado de sair da fábrica.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Investigações posteriores revelaram que o botnet por trás do Nitol estava sendo executado a partir de um domínio que já tinha se envolvido em crimes cibernéticos em 2008.

"Nós encontramos um malware capaz de ligar remotamente o microfone e a câmera de vídeo de computadores infectados, potencialmente dando aos cibercriminosos olhos e ouvidos para a casa de uma vítima", disse Richard Boscovich, advogado na unidade de crimes digitais da Microsoft.

Um tribunal dos Estados Unidos já deu à Microsoft permissão para assumir o controle do domínio 3322.org, que ela afirma estar envolvido com as infecções do Nitol.

Computador com vírus
Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.