9 em cada 10 organizações no Brasil sofrem com violação de cibersegurança

Por Redação | 18 de Maio de 2016 às 17h15

De acordo com um novo relatório divulgado pela CompTIA, 9 em cada 10 organizações no Brasil foram atingidas por pelo meno uma violação de segurança digital em 2015. A maioria delas foram classificadas como graves, segundo indica a associação do setor de TI. O relatório "Tendências Internacionais em Segurança Cibernética" também mostrou que as organizações estão tomando medidas que alteram suas práticas e políticas em torno da segurança, tendo em vista a dependência de serviços de computação em nuvem e soluções de tecnologia móvel.

Para chegar às conclusões, a associação ouviu mais de 1.500 executivos de negócios e tecnologia em 12 países. Foram contabilizados dados de países como África do Sul, Alemanha, Austrália, Brasil, Canadá, Emirados Árabes Unidos, Índia, Japão, Malásia, México, Reino Unido e Tailândia. Do total, 126 executivos foram pesquisados no Brasil.

No ano passado, a pesquisa mostrou que 73% das empresas detectaram alguma brecha de segurança. O Brasil ficou entre os mais vulneráveis a riscos de segurança, na comparação com os outros países pesquisados. Segundo a executiva de negócios da CompTIA, Tatiana Falcão, "apenas 13% das empresas brasileiras afirmaram não ter tido qualquer tipo de experiência com violação de segurança".

A executiva ainda mencionou que 90% das empresas no Brasil esperam que a cibersegurança ganhe prioridade mais elevada nos próximos dois anos. Tatiana ainda acredita que exista uma forte tendência no Brasil de direcionamento de recursos para o aprimoramento do desenvolvimento profissional dos funcionários.

Via IPNews

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!