SP espera vacinar toda a população adulta até setembro contra a COVID-19

SP espera vacinar toda a população adulta até setembro contra a COVID-19

Por Fidel Forato | Editado por Luciana Zaramela | 14 de Junho de 2021 às 13h20
Reprodução/ Governo de São Paulo

No domingo (13), o governo do estado de São Paulo anunciou uma nova meta para a aplicação da primeira dose em toda a população adulta contra a COVID-19: o mês de setembro. Especificamente, a intenção é que, nos 645 municípios, todas as pessoas com mais de 18 anos recebam a primeira dose de um imunizante contra o coronavírus SARS-CoV-2 até o dia 15 de setembro.

“Pessoas na faixa etária de 40 a 59 anos que seriam vacinadas apenas no mês de julho, agora, serão vacinadas em junho. Isso é fruto de trabalho planejamento e logística do sistema de saúde pública de São Paulo. É uma vitória do trabalho e da ciência, de respeito à saúde e à vida e senso de urgência para proteger vidas. A vacina vai vencer o vírus, a saúde vai vencer o negacionismo e nós, aqui em São Paulo, estamos ao lado da ciência, da saúde e da vida”, afirmou o governador do estado, João Doria, durante o anúncio.

Estado de SP quer aplicar a primiera dose em todos os adultos até o dia 15 de setembro (Imagem: Reprodução/Mufid Majnun/Unsplash)

Como será a campanha geral de vacinação contra a COVID-19 em SP?

Com o novo calendário de imunização, o estado de São Paulo define o cronograma para a população geral, ou seja, aqueles indivíduos que não integram nenhuma grupo de risco para a COVID-19 e têm mais de 18 anos. A seguir confira as datas de aplicação da primeira dose para cada faixa etária:

Vacinação em junho:

  • A partir do dia 16: pessoas de 50 a 59 anos;
  • A partir do dia 23: pessoas de 43 a 49 anos;
  • A partir do dia 30: pessoas de 40 a 42 anos.

Vacinação em julho:

  • A partir do dia 15: pessoas de 35 a 39 anos;
  • A partir do dia 30: pessoas de 30 a 34 anos.

Vacinação em agosto:

  • A partir do dia 16: pessoas de 25 a 29 anos.

Vacinação em setembro:

  • A partir do dia primeiro: pessoas de 18 a 24 anos.

Entenda as novas metas da imunização contra o coronavírus

A ampliação dos públicos-alvo e a projeção do novo calendário foram feitas a partir das estimativas de entrega de novas doses de vacinas do Ministério da Saúde. Nesse sentido, o salto do planejamento foi possível com as entregas da Pfizer/BioNTech e da Janssen (Johnson & Johnson), além da retomada da produção nacional da CoronaVac e da Covishield (Oxford/ Astrazeneca). Segundo o governo, o ritmo de vacinação poderá ser quatro vezes mais intenso que o verificado na fase inicial da campanha.

Sõ Paulo lança site com contagem regressiva para o dia da imunização contra a COVID-19 (Imagem: Reprodução/ Governo de São Paulo)

Para informar sobre o dia da imunização e eventuais mudanças no cronograma, o governo de São Paulo lançou a ferramenta virtual Dia da Esperança, disponível na plataforma VacinaJá. No site, há uma contagem regressiva para imunização de toda população de São Paulo, de acordo com cada faixa etária. Para conferir, clique aqui.

Fonte: Governo de SP  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.