Cidade de São Paulo reduz intervalo entre as duas doses da vacina da Pfizer

Cidade de São Paulo reduz intervalo entre as duas doses da vacina da Pfizer

Por Natalie Rosa | Editado por Luciana Zaramela | 21 de Outubro de 2021 às 10h30
Edalin/envato

A Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo anunciou, nesta quarta-feira (20), que o intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina da Pfizer contra a covid-19 será reduzido. Até então, o intervalo entre as aplicações era de 56 dias, passando agora a ser de 21 dias.

A medida é aplicada somente em pessoas com mais de 18 anos, e em adolescentes o intervalo continua de oito semanas. De acordo com a secretaria, a redução do prazo é consequência do recebimento de 357.354 doses do imunizante na última terça-feira (19).

Imagem: Reprodução/twenty20photos/Envato

Para a CoronaVac, o intervalo continua sendo de 28 dias entre a primeira e a segunda dose, e para a vacina da AstraZeneca a espera é de 12 semanas. Também está permitido aplicar uma segunda dose da Pfizer quando não houver doses da AstraZeneca disponíveis.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

 

Fonte: Agência Brasil

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.