3ª dose da vacina da AstraZeneca será testada no BR; veja quem pode participar

Por Natalie Rosa | Editado por Luciana Zaramela | 16 de Julho de 2021 às 12h45
Elements/twenty20photos

A Bahia será o centro de um novo estudo para testar a eficácia de uma terceira dose da vacina AstraZeneca contra a COVID-19. A pesquisa será conduzida no Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos, da Universidade Federal da Bahia, sob administração da Rede Ebserh (Hupes-UFBA/Ebserh).

Além dos testes da terceira dose, os cientistas irão avaliar a eficácia de uma versão modificada da vacina, que deve proteger contra a variante Beta (B.1.351) que se originou na África do Sul. Cerca de 800 voluntários de diversas cidades brasileiras, sendo 100 da Bahia, irão participar do estudo, que foi liberado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Imagem: Reprodução/Rido81/Envato Elements

Para participar das pesquisas, os voluntários precisam ter sido imunizados com as duas doses de uma vacina que usa a tecnologia de RNA mensageiro, como as da Pfizer, disponível no Brasil, e Moderna, que ainda não chegou por aqui. A conclusão do ciclo precisa ter acontecido há três meses no mínimo. Já os voluntários que ainda não receberam qualquer vacina irão testar um esquema que mistura uma dose da vacina já em uso e uma segunda dose da versão modificada.

Como ser voluntário

Para participar dos testes, é preciso corresponder às exigências acima, ter mais de 18 anos e morar nos estados da Bahia, Distrito Federal, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo. Interessados precisam entrar em contato pelo email [email protected].

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.