Alphabet vende Boston Dynamics para a Softbank

Por Redação | 09 de Junho de 2017 às 09h28
photo_camera Divulgação

A Boston Dynamics, finalmente, tem um novo dono. A Softbank, uma megacorporação japonesa dos setores de telecomunicações, internet e tecnologia, anunciou a aquisição da empresa de robótica da Google por um valor não revelado, mas intenções bem claras. A ideia é ampliar ainda mais o avanço das máquinas da companhia nipônica, com a adição de patentes, aplicações e conhecimento.

Por mais que os termos do acordo não tenham sido divulgados, o CEO da Softbank, Masayoshi Son, se mostrou bastante animado com a compra. Ele citou Marc Raibert, um dos fundadores da Boston Dynamics, como um dos principais nomes da robótica na atualidade, e se mostrou empolgado de ver ele e sua equipe se unindo aos esforços de desenvolvimento de robôs ao lado de outros nomes já adquiridos com a mesma finalidade.

O objetivo final é o mercado de casas inteligentes, com os produtos sendo voltados para automação e com um pezinho na Internet das Coisas. Raibert, também falando sobre a aquisição, afirmou que sua nova dona está liderando uma “revolução” nessa tecnologia e que ele acredita que os robôs a serem produzidos como parte da união mudarão a humanidade ao longo das próximas décadas.

Dentro da estrutura da Softbank, a Boston Dynamics se une a outros nomes conhecidos no mundo da robótica. Vale citar, também, que o conglomerado japonês também é dono da ARM, uma grande fabricante de chips processadores, elemento que pode ter atuação fundamental nos avanços do setor.

Fundada em 1992 como um spin-off do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, a Boston Dynamics foi comprada em 2013 pela Alphabet – na época, ainda chamada de Google X, como forma de dividir os esforços tecnológicos da companhia de sua atuação online. Enquanto ganhava as manchetes com seus robôs que chamavam a atenção pelo equilíbrio e capacidade de atuação em diversos tipos de terreno, a empresa começou a ser negociada em março de 2016, e, agora, os negócios finalmente chegam a uma conclusão.

Fontes: Softbank, Engadget

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.