Relatório fiscal do Tinder mostra que apps de paquera ainda estão em alta

Por Wagner Wakka | 07 de Agosto de 2019 às 12h12
Reprodução: Tinder
Tudo sobre

Tinder

Saiba tudo sobre Tinder

Ver mais

O Match Group, empresa por trás do Tinder, apresentou seu relatório financeiro trimestral com bons números no período e grandes expectativas para os próximos três meses. A empresa teve uma receita de US$ 498 milhões, o que foi acima do esperado de US$ 489 milhões para o período.

A companhia vem mostrando que o mercado de apps de paquera ainda segue aquecido. Em termos de usuários, o Tinder fechou o período com aumento de 18% no número de assinantes de seu serviço premium, em um total de 9,1 milhões de pessoas. A empresa quer adicionar, pelo menos, mais um milhão a esta conta.

Resultado do trimestre e previsões do Tinder (Foto: Divulgação/ Match Group)

O motivo deste aumento foram algumas novidades para o serviço, como sistemas de confirmação de leitura e o Super Boost, que dá mais visibilidade para uma pessoa.

Com isso, a previsão para o próximo trimestre é de que a empresa feche com receita entre US$ 535 milhões e US$ 545 milhões, número acima dos US$ 521 milhões previstos anteriormente.

Apesar disso, o Match Group registrou lucro líquido menor para seus acionistas, com queda de US$ 132,5 milhões, para US$ 128 milhões, representando US$ 0,43 por ação.

Fonte: Match, Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.