Adobe registra crescimento de 25% nas receitas do último trimestre

Por Redação | 21.03.2016 às 15:07 - atualizado em 21.03.2016 às 15:39

A empresa americana de desenvolvimento de softwares para computadores, Adobe Systems, divulgou seus resultados financeiros referentes ao primeiro trimestre fiscal de 2016, encerrado em 4 de março. Segundo os números, a empresa conseguiu um excelente desempenho. A receita trimestral recorde chegou a US$ 1,38 bilhão, representando um crescimento de 25% com relação ao ano anterior.

O lucro líquido da empresa por ação foi de US$ 0,50 em uma base GAAP e de US$ 0,66 em base não-GAAP. A receita do segmento de mídia digital também cresceu significativamente, 33% em relação ao ano passado, chegando ao valor recorde de US$ 932 milhões. O serviço Adobe Creative Cloud atingiu um crescimento de 44% com relação a 2015, alcançando o valor recorde de US$ 733 milhões. O bom desempenho da Adobe Creative Cloud impulsionou a receita recorrente anualizada ("ARR") de Mídia Digital, que chegou a US$ 3,13 bilhões no fim do trimestre, um aumento de US$ 246 milhões.

"Todos os dias mais marcas, agências governamentais e instituições educacionais globais estão escolhendo basear suas estratégias digitais no conteúdo e nas plataformas de dados da Adobe", disse o presidente e CEO da Adobe, Shantanu Narayen. "Nosso desempenho excepcional no primeiro trimestre é um indicador do ótimo momento que vivemos em nossos negócios na nuvem, conforme direcionamos a economia da experiência", afirmou o executivo.

Já a Adobe Marketing Cloud obteve um forte crescimento de reservas e registrou uma receita recorde de US$ 377 milhões, que representa um crescimento de 21% com relação ao ano anterior. O lucro operacional da empresa cresceu 78% comparado ao ano anterior. O lucro líquido subiu 200% em uma base GAAP. O bom desempenho da empresa também foi visto no fluxo de caixa das operações, que chegou a US$ 498 milhões, com uma receita diferida que aumentou para US$ 1,61 bilhão. A Adobe também recomprou aproximadamente 1,5 milhão de ações durante o primeiro trimestre fiscal de 2016, gerando um retorno de US$ 133 milhões para os acionistas.

"Estamos contentes em anunciar que batemos mais um recorde no trimestre, com um crescimento de 25% com relação ao ano anterior. A forte adoção da nuvem impulsionou o recorde da receita do primeiro trimestre da Adobe Creative Cloud e da Adobe Marketing Cloud, com um ARR de Mídia Digital melhor do que o esperado", disse o vice-presidente executivo e CFO da Adobe, Mark Garret. "Com base em nossos fortes resultados no 1º trimestre e no momento do negócio, aumentamos nossas metas anuais de receitas e de lucros para o ano", finaliza.