Google supera expectativas dos analistas no terceiro trimestre

Por Redação | 18.10.2013 às 14:15 - atualizado em 18.10.2013 às 14:48

O gigante da web divulgou seus resultados do terceiro trimestre e, sem dúvidas, tem motivos para rir à toa. O destaque do relatório do Google ficou por conta do forte papel dos dispositivos móveis em seus negócios.

O CEO Larry Page fez questão de destacar o fato de que mais de 1 bilhão de dispositivos Android já foram ativados em todo o mundo, e 1,5 milhão de novos dispositivos é ativado a cada dia. "Acho que estamos muito bem posicionados no [segmento] mobile", observou Page, de acordo com o Mobile World Live.

Durante a teleconferência com analistas para apresentar os resultados da companhia, o executivo disse ainda que o Google tem "potencial para melhorar muito a experiência" das pessoas que utilizam dispositivos móveis, tornando-a mais "eficiente, agradável e bonita".

O setor móvel está ajudando a compensar uma queda de 8% na quantidade de dinheiro que o Google recebe cada vez que alguém clica em um anúncio (CPC) no seu motor de busca. O pagamento por clique subiu 26% no trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, graças a um aumento no uso de dispositivos móveis. "Essa é a história principal, o crescimento do volume de anúncios está superando o declínio no custo por clique", explicou o analista Ronald Josey.

A receita total do terceiro trimestre do Google aumentou 12% na comparação anual, chegando a US$ 14,89 bilhões – superando as expectativas dos analistas, de US$ 14,79 bilhões. Os lucros subiram 36%, chegando a US$ 2,97 bilhões – também bem acima das previsões dos analistas.

A única mancha negra no relatório do último trimestre foi o desempenho de sua unidade de celulares Motorola Mobility, que viu suas perdas operacionais aumentarem 29%, para US$ 248 milhões, apesar das medidas de redução de custos.