Usuários do Twitter fora dos EUA agora estão sob regras europeias de privacidade

Por Redação | 20.04.2015 às 11:51

O Twitter revisou sua política de privacidade neste final de semana para esclarecer alguns pontos e incluir informações sobre as contas dos usuários que estão fora dos Estados Unidos.

Os novos termos esclarecem que desde o último sábado (18) as informações das contas dos usuários do Twitter que não residem nos Estados Unidos estarão sujeitas às leis de proteção de dados e privacidade da Irlanda. As contas dos usuários norte-americanos permanecerão na sede do Twitter, em São Francisco, sob a lei dos EUA.

Dublin foi escolhida pelos executivos do Twitter por possuir um sistema de leis favorável às empresas de tecnologia. Muitas companhias de TI, como o Facebook, por exemplo, também estabelecem uma sede na capital irlandesa. As leis referentes a privacidade e proteção de dados da Irlanda são baseadas na Diretiva de Proteção de Dados da União Europeia.

Por atrair tantas empresas de tecnologia, a Comissão de Proteção de Dados da Irlanda (DPC) receberá mais recursos para controlar as operações europeias. Em dezembro de 2014, o governo irlandês dobrou o orçamento de € 1.890.000 para € 3.650.000. Além disso, a pequena equipe de apenas 29 profissionais deve aumentar para receber mais especialistas.

Enquanto isso, a União Europeia está preparando um novo Regulamento de Proteção de Dados, que deve prever um aumento na cooperação com os reguladores europeus de privacidade em casos de violação de dados e privacidade envolvendo mais de um país.

Além de mudar os termos para os usuários fora dos EUA, a rede dos 140 caracteres também adicionou esclarecimentos sobre a sua política de privacidade, tornando-a mais compreensível. O microblog informou de maneira clara que aceita que seus usuários utilizem pseudônimos como seu nome, algo que o Facebook não permite. Além disso, o Twitter também esclareceu que um número de telefone pode ser utilizado como informação de contato.

De acordo com o comunicado do Twitter, as mudanças foram realizadas para melhorar a assistência aos utilizadores em todo o mundo.

Fonte: Twitter

Fonte: http://www.pcworld.com/article/2911952/twitter-accounts-outside-of-the-us-now-fall-under-eu-data-protection-rules.html#tk.rss_all