Twitter comemora Dia Internacional da Mulher com emoji especial

Por Redação | 08.03.2017 às 15:53

O Twitter é a melhor maneira para descobrir o que está acontecendo no mundo e onde vozes e movimentos poderosos se reúnem para defender os direitos das mulheres. Por isso, em razão do Dia Internacional da Mulher e do Mês da História da Mulher, o @TwitterWomen, iniciativa do Twitter que visa a valorização da liderança feminina na empresa, celebra as mulheres que são fortes, poderosas e inspiram a todos. De Lady Gaga (@ladygaga) a Malala Yousafzai (@MalalaFund), além das mães, irmãs e funcionárias do Twitter ao redor do mundo.

Como parte das ações, Tweets com as hashtags #ElaMeInspira, #DiaInternacionalDaMulher, #DiaDaMulher, #MesDaMulher e #ElesPorElas serão acompanhados por um emoji com a imagem do símbolo que representa o sexo feminino. A ideia é que a imagem ilustre as conversas em torno do tema e estimule as pessoas a contarem histórias de mulheres inspiradoras que tiveram um impacto em suas vidas.

#LikeABoss

Ainda como parte das ações para o Dia Internacional da Mulher, em colaboração com a University Recruiting (@TwitterU), o @TwitterWomen e o Twitter participarão de uma série de eventos destinados a educar os estudantes universitários sobre o poder do Twitter. Os eventos mostrarão, também, as mulheres de destaque na empresa que são parte de decisões importantes.

#GirlsWhoCode

O mês de março marcará a celebração do aniversário de cinco anos do #GirlsWhoCode, movimento que conta com o apoio do Twitter e incentiva as mulheres a ingressar em cursos na área de programação e tecnologia. Dez funcionárias integrantes do @TwitterWomen participarão do evento de celebração, que contará com um discurso de Reshma Sujani, CEO do Girls Who Code, sobre as parcerias que a GWC tem com as empresas de tecnologia, inclusive o Twitter.

O Twitter Women é composto por um grupo de funcionários do Twitter (mulheres e aliados) que fornecem orientação e desenvolvimento profissional para todas as mulheres que trabalham na plataforma, promovendo uma cultura inclusiva, respeitosa e compreensiva. O projeto visa a valorização da liderança feminina a partir de iniciativas que englobam desde a simples troca de experiência entre mulheres em diferentes posições, passando por programas de qualificação para o bom exercício da liderança, até o engajamento dos homens, seja como chefes, pares ou parceiros.