Twitter verifica conta falsa de um candidato criada por um adolescente

Por Diego Sousa | 28 de Fevereiro de 2020 às 17h35
Reprodução/Engadget
Tudo sobre

Twitter

Saiba tudo sobre Twitter

Ver mais

Ser verificado no Twitter é o sonho de qualquer usuário da plataforma. Essa é uma conquista importante, pois adiciona uma camada de credibilidade a uma conta e é um sinal de que o perfil é relativamente conhecido, já que também é medido por popularidade.

Porém, enquanto algumas pessoas já afirmaram que ter sua conta verificada no Twitter é um processo bastante complicado, um estudante do ensino médio do interior de Nova York (EUA) provou que não é bem assim.

Através de um perfil falso, o menor de idade conseguiu “burlar” o sistema de verificação do Twitter e conseguiu o tão cobiçado selo sem nem pedir por ele.

A perfil falso em questão, que já foi excluído pelo Twitter, foi criado em nome de Andrew Walz, um suposto candidato ao congresso norte-americano. O garoto foi meticuloso: criou um site, adicionou uma foto de perfil gerado por inteligência artificial e enviou as informações do suposto candidato ao site Ballotpedia, uma organização sem fins lucrativos que acompanha os candidatos políticos americanos - segundo o site CNN Business, todo o processo levou menos de 25 minutos.

Conta fake foi criada por um adolescente e passou pela verificação do Twitter (Foto: Reprodução/Engadget)

Após a Ballotpedia passar as informações de Andrew Walz ao Twitter, que firmou parceria com a organização para identificar contas oficiais do Twitter dos candidatos e suas campanhas, levou apenas alguns meses para que o suposto candidato ao congresso tivesse sua conta verificada - que, pasmem, possuía apenas dez seguidores na época!

Ao CNN Business, o adolescente comentou que não promoveu a conta e tampouco pediu ao Twitter por identificação. Seu único objetivo era testar o sistema de verificação.

Quando procurado para comentar sobre o caso, o Twitter já havia encerrado a conta fake. Após o episódio, tanto a Ballotpedia, quanto o Twitter disseram que melhorarão seus processos de verificação.

Fonte: Engadget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.