Twitter registra patente de drone que pode ser controlado pelos usuários

Por Redação | 22.12.2015 às 09:46

O Twitter é mais uma empresa interessada em trabalhar com drones. A companhia apresentou um pedido de patente de um avião não tripulado que é capaz de tirar fotos, gravar vídeos e transmiti-los nos perfis dos usuários. Ou seja, diferente de muitas companhias, a rede social não quer utilizar os drones como ferramenta de entrega, mas sim de interação com o público.

É importante deixar claro que o registro da patente não significa necessariamente que o Twitter possui planos de construir drones. No entanto, isso poderia representar que a plataforma pode utilizar essa tecnologia como sua aliada para engajar os usuários.

O Twitter poderia, por exemplo, utilizar os likes, retweets e replies para controlar a direção do drone e o que ele está gravando ou fotografando. O documento menciona que o drone poderia ser utilizado também para realizar entrevistas ao vivo e acompanhar eventos que seriam transmitidos para a rede social. Tudo isso pode soar um tanto estranho do ponto de vista técnico e de segurança, mas é um conceito ambicioso que nenhuma outra empresa está considerando publicamente no momento.

O drone também poderia ser utilizado como uma ferramenta do Periscope, aplicativo de streaming ao vivo do Twitter. Dessa forma, poderíamos ver um conjunto de drones voando para transmitir um evento para milhões de usuários da plataforma, deixando que eles controlem o processo de navegação das aeronaves não tripuladas.

De qualquer forma, esses são conceitos que poderão aparecer como ferramenta do Twitter para trazer mais interatividade aos seus serviços. Se eles realmente se tornarão realidade, só o tempo nos dirá.

Fonte: USPTO

Fonte: http://www.theverge.com/2015/12/21/10640778/twitter-patent-crowd-controlled-drone-selfies