Twitter permite que usuários silenciem notificações de contas que não seguem

Por Redação | 11.07.2017 às 10:17

O Twitter vem trabalhando para se tornar muito mais amigável e agradável para seus usuários. Recentemente, a empresa vem dando atenção ao conteúdo inapropriado no site, incluindo mensagens de ódio e a avalanche de spams que cercam os principais veículos da internet. Nesta segunda-feira (10), o microblog lançou um novo recurso que ajudará os usuários a não receberem mais notificações indesejadas.

A nova opção permite que os usuários possam silenciar notificações de contas que não estão seguindo. Os usuários já podiam filtrar conteúdo de baixa qualidade, como tweets que parecem ser automatizados, e desabilitar as notificações de determinadas palavras ou frases.

Para desabilitar as notificações de contas que você não segue, basta acessar as configurações de filtros avançados. Na versão web, entre na guia "Notificações", depois em "Configurações" e ative as caixas de seleção para filtrar as notificações de tweets. No iOS e Android, basta acessar a guia "Notificações", tocar no ícone de engrenagem, seguido de "Filtros avançados" e escolher quais os filtros que você deseja ativar.

Recentemente o Twitter realizou uma notável mudança no design de seus aplicativos e na versão web, adotando uma interface mais limpa e com novos recursos, como a atualização em tempo real das interações nos tweets. Além disso, a rede social introduziu uma novidade para os usuários Android: o Modo Noturno Automático. Esse recurso permite que o aplicativo ative automaticamente o modo noturno sem a necessidade de acessar as configurações do app.

Esse conjunto de mudanças chega em um momento em que a empresa se esforça para atrair novos usuários. No primeiro trimestre, o Twitter ganhou 9 milhões de usuários, seu maior incremento trimestral nos últimos dois anos. Além disso, o site, assim como o Facebook, tem enfrentado uma crescente série de críticas por não combater o cyberbullying, as notícias falsas e as propagandas extremistas com maior rigor -- uma realidade que pode estar prestes a mudar.

Fonte: Twitter