Twitter passa a permitir que anunciantes façam lances em vídeos de seis segundos

Por Nathan Vieira | 20 de Agosto de 2019 às 07h30

Não é segredo para ninguém que o Twitter tem se envolvido numa verdadeira enxurrada de novidades em meio aos seus recursos, como a ocultação de respostas nas threads, o modo de rotular respostas ou ainda as respostas em tuítes individuais. Nesta segunda-feira (19), a rede social anunciou mais uma novidade, disponível em todo o mundo. Trata-se de uma opção para marcas que desejam uma métrica de visualização completa com vídeos curtos. Basicamente, anunciantes passam a poder fazer lances em vídeos de seis segundos na plataforma em questão para maximizar seu impacto na audiência.

Dessa forma, o anúncio é cobrado apenas após a visualização de seis segundos do conteúdo, com 50% do player na tela. Esse novo formato está disponível no mundo inteiro para vídeos promovidos e anúncios em vídeo in-stream para conteúdo com 15 segundos ou menos de duração. O Twitter é a rede social que mais coloca em prática o dinamismo, levando em consideração a sua política de conteúdos em apenas 280 caracteres (sendo que antes, inclusive, era ainda mais objetivo, com o máximo de 140 caracteres). A nova opção para os anunciantes é outra prova de que a plataforma aposta na objetividade.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Os usuários do Twitter se comunicam com objetividade na plataforma, com conteúdos que tenham no máximo 280 caracteres

Vale ressaltar, inclusive, que a EyeSee Research (empresa que usa métodos comportamentais remotos acessíveis em combinação com o convencional para desbloquear insights de consumidor) compartilhou um estudo recente que aponta que vídeos curtos, que tenham com menos de seis segundos, sem som e com a clara presença da marca, fazem com que o consumidor memorize as informações contidas ali com mais facilidade. Além disso, os anúncios curtos também levam à otimização de conteúdos e conexão com os consumidores. A empresa afirma que o lançamento é uma opção flexível para os anunciantes que desejam uma métrica de visualização completa.

Alice Oliveira, diretora de marketing da Dell no Brasil que trabalhou recentemente com a plataforma em questão, traz seu ponto de vista em meio às mudanças: "Recentemente, trabalhamos com o Twitter e a VMLY&R Miami para trazer uma nova forma de comunicação por vídeo, estreando a solução no Brasil. A Dell se preocupa em dividir conteúdo com os consumidores para que suas experiências sejam cada vez melhores", declara. "A nova solução de anúncio em vídeos de seis segundos, combinada com a criatividade, aumentou nossa taxa de visualização em mais de 22%, tornando a Dell Brasil líder nos resultados de vídeo no mercado. Continuamos a inovar, junto a nossos parceiros estratégicos, para trazer aos consumidores o conteúdo que eles querem ver, do jeito que eles querem ver", a diretora completa.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.