Twitter gastou mais de US$ 86 milhões na compra do Periscope e Niche

Por Redação | 12.05.2015 às 11:18

O relatório de lucros trimestrais do Twitter revelou que a empresa pagou mais de US$ 86 milhões na aquisição do Periscope, um aplicativo para streaming de vídeos, e da Niche, uma startup que ajuda a conectar as "estrelas" das mídias sociais com as principais marcas do mercado.

As duas compras aconteceram no início deste ano e como o Twitter é uma empresa pública, possui a obrigatoriedade de relatar os preços de suas aquisições por meio de um documento direcionado à Securities and Exchange Commission (Comissão de Valores Mobiliários). Porém, a rede de microblogs não foi muito clara na descrição dos números, uma vez que listou apenas um preço total para ambas as compras, sem identificar o valor individual de cada uma delas.

De acordo com o documento, o Twitter comprou o Periscope em janeiro de 2015 e o Niche um mês depois por um "preço total de compra de US$ 86,6 milhões", incluindo cerca de US$ 29 milhões em dinheiro. Na época da aquisição do Niche, rumores apontaram que o negócio estava avaliado em aproximadamente US$ 30 milhões mais pagamento de earn-outs.

Earn-out é um modelo de negócio onde uma parte do preço da empresa é paga na assinatura do contrato de compra e venda e a outra parte é paga posteriormente (em uma ou mais vezes) com seu valor vinculado a critérios predeterminados de resultados futuros.

A compra do Periscope também incluiu earn-outs em forma de ações adquiridas ao longo dos próximos quatro anos e oferecidas a empregados da startup. Juntas, as duas aquisições incluíram US$ 38 milhões em earn-outs.

Na ocasião da compra, rumores relataram que o negócio com o Periscope custou cerca de US$ 100 milhões para o Twitter, valor que provavelmente incluía todo o potencial de ganhos earn-out e acordo com funcionários.

Com informações do Re/code